23/05/18

Consulta Ampla

AVALIAÇÃO DO ESTADO DE CONSERVAÇÃO DOS CARNÍVOROS - 2º CICLO

A avaliação do estado de conservação da fauna é coordenada pelo ICMBio, sendo que a dos Carnívoros está sob responsabilidade do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Carnívoros (CENAP/ICMBio) e conta com a importante participação da comunidade científica. A metodologia de avaliação adotada pelo ICMBio é da União Internacional para Conservação da Natureza (UICN).

O processo de avaliação do estado de conservação da fauna no Brasil é um processo dinâmico, o 1º Ciclo ocorreu de 2009 a 2014, onde 12.265 espécies foram avaliadas, resultando em 1.173 táxons oficialmente ameaçados de extinção, para mais informações segue os links para acesso: http://www.icmbio.gov.br/portal/especies-ameacadas-destaque  e http://www.icmbio.gov.br/portal/faunabrasileira/avaliacao-do-risco-de-extincao .

O CENAP está iniciando o 2º Ciclo de Avaliação do Estado de Conservação dos Carnívoros. Estamos na fase de compilação de novas informações para as fichas das espécies de mamíferos carnívoros brasileiros.

Neste momento estamos abrindo a Consulta Ampla, etapa em que a comunidade científica poderá participar do processo contribuindo com informações sobre os táxons e seus habitats. Estão disponíveis para consulta e contribuições, as fichas de avaliação do estado de conservação das espécies de carnívoros que serão avaliadas, podendo ser acessadas no módulo de consulta do Sistema de Avaliação do Estado de Conservação da Biodiversidade – SALVE. No site, registre-se fazendo o cadastro e login para enviar as contribuições. Em "Busca Avançada", escolha as ordens que serão avaliadas nesta oficina para obter o acesso às fichas. O prazo final da Consulta Ampla será 20 de agosto de 2018.

Os devidos créditos serão dados ao longo do processo de avaliação e na publicação das fichas a todos os colaboradores. A participação e colaboração são imprescindíveis para melhorar a "Avaliação do Estado de Conservação dos Carnívoros", o que subsidia a elaboração de estratégias de conservação para as espécies e os ambientes dos quais elas dependem.

Caso o interessado tenha alguma dificuldade para se cadastrar ou efetuar o login, pode entrar em contato no e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .