banner anavilhanas

Parque Nacional DE Anavilhanas

No Parque Nacional de Anavilhanas, o rio Negro apresenta um cenário singular que oferece inúmeras possibilidades de sensações, experiências e aprendizagem, em um labirinto de ilhas e águas negras espelhadas que se transforma com a variação do nível do rio, em um convite a desafiar nossos limites e ampliar nossa visão de mundo.

btn institucional

btn topo

Quando Ir

O Parque Nacional de Anavilhanas está aberto o ano todo. Na seca (setembro a fevereiro) é possível desfrutar das belas praias de areias brancas que emergem por todo o arquipélago. Na cheia (março a agosto) o vislumbre fica por conta das trilhas aquáticas de igapó, isto é, passeios de barco por dentro das florestas alagadas.

Em qualquer época, porém, é possível visitar o Flutuante dos Botos, apreciar a rica flora e fauna amazônica, fazer passeios de barco por um dos maiores arquipélagos fluviais do mundo, fazer trilhas terrestres, banhar-se nas belas águas do rio Negro, conhecer comunidades tradicionais ribeirinhas e o belo artesanato de Novo Airão, entre outros atrativos.

btn topo

Como Chegar

A partir de Manaus, é possível chegar à Novo Airão - cidade sede do Parque - por via aérea, fluvial ou terrestre.

 

Via aérea – Novo Airão não possui aeroporto, somente Manaus, mas é possível fretar um hidroavião e pousar no rio Negro. Também é possível o pouso de helicópteros em áreas descampadas das comunidades, da Base 2 do PNA e de Novo Airão. Nas duas primeiras é preciso prévia autorização.

 

Via fluvial - Os barcos para Novo Airão saem do Porto de São Raimundo, em Manaus. No momento, não há opção de lancha rápida (3 horas de viagem), somente barco regional (9 horas de viagem).

De Manaus para Novo Airão, as partidas são à noite: terças e sextas às 20h. É importante confirmar os dias e horários, que ocasionalmente variam. A passagem custa por volta de R$ 35,00 por pessoa, e é necessário levar rede.

Telefones Úteis:
- Barco Regional – (92) 99146-5724 (Barco Novo Zanys) e (92) 99205-0560 (Barco Big Mar).

 

Via terrestre - A viagem pode ser feita de carro, táxi-lotação ou ônibus executivo.

 

Carro
A partir de Manaus, depois de atravessar a ponte sobre o rio Negro, o visitante deve seguir pela AM-070 por aproximadamente 86 km, sentido Manacapuru. Após passar pelo balneário do Miriti (há placa no local), haverá um entroncamento à direita, onde se inicia a rodovia AM-352. Desse ponto, o deslocamento é de 98km até Novo Airão.

Obs.: No entroncamento não há sinalização clara, de maneira que é preciso ficar atento. Contudo, caso não acerte, não se preocupe, o máximo que pode acontecer é você parar em Manacapuru e ter que retornar 5 km para entrar na estrada para Novo Airão.

 

Taxi-lotação
De taxi-lotação é mais rápido (por volta de 2 horas e meia de viagem), mas o serviço não é 24h. Geralmente o fluxo maior é no início da manhã ou da tarde. Sugerimos um contato prévio com algum prestador desse serviço. A lotação é de quatro passageiros e custa R$ 55,00 por pessoa.

Há dois serviços de táxi que fazem o transporte entre Manaus e Novo Airão: Sindicato dos Taxistas de Novo Airão (SINDTAXI) e Associação Anajaú Radio Táxi.

Em Manaus, os pontos de taxi-lotação localizam-se na subida da Ponte Rio Negro, à esquerda de quem vem de Manaus, do outro lado da pista na Avenida Cirilo Neves. O ponto do SINDTÁXI (telefone: 92-99428-0595) fica próximo à uma loja de conveniência e o ponto do Anajaú (telefone: 92-99191-9402) localiza-se na esquina com a rua T5.

Em Novo Airão, ambos os pontos de táxi ficam no início da Av. Ajuricaba, principal rua da cidade. O SINDTAXI (telefone: 92 99168-0804) localiza-se em frente ao ponto de ônibus de linha e o Anajaú (telefone: 92-99191-9221) em frente ao Mercado São José.

É possível combinar com o taxista da lotação dele mesmo buscar o visitante em qualquer lugar de Manaus, devendo o preço ser acertado anteriormente. Pacotes para transporte exclusivo Manaus-Novo Airão também são possíveis.

 

Ônibus
Há ônibus executivos que saem da rodoviária de Manaus e custam por volta de R$ 40,00 por pessoa. A maior parte das rotas inclui uma parada em Manacapuru, fazendo com que a viagem dure por volta de 4 horas até Novo Airão.

Sugerimos sempre confirmar os horários:
- Manaus-Novo Airão: 6:15, 10:45 e 15:15.
- Novo Airão-Manaus: 6:00, 13:30 e 15:45.

Telefones das empresas de ônibus:
- Entram - (92) 3361-1329 ou 3361-2127
- Master - (92) 3365-1110, 99342-4510 ou 98818-4490

btn topo

Ingressos

Não há cobrança de ingresso nem necessidade de autorização de entrada no parque.

btn topo

Atividades/Atrativos

As atividades permitidas no Parque Nacional de Anavilhanas seguem as normativas estabelecidas em seu Plano de Manejo.

 

Veja os mapas turísticos, com todos os atrativos abertos à visitação.

Mapa página 1;

Mapa página 2;

Map page 1

Map page 2


INTERAÇÃO COM BOTOS VERMELHOS

Boto Vermelho Leo Albuquerque

O turismo de interação com botos-vermelhos é o principal atrativo do Parque Nacional de Anavilhanas e de Novo Airão e existe há quase 20 anos. Pioneiro na atividade e no ordenamento, o "Flutuante dos Botos" localiza-se na orla de Novo Airão, onde é possível interagir com os carismáticos mamíferos aquáticos.

O Flutuante dos Botos localiza-se na Praia da Orla de Novo Airão, dentro do Parque Nacional de Anavilhanas.

O ingresso custa R$ 15,00 por pessoa. Crianças e pessoas acima de 60 anos pagam R$ 7,50.

Horário de funcionamento: todos os dias (exceto terça-feira) das 9:00 às 17:00. Se houver feriado na terça-feira, o flutuante ficará aberto, fechando no dia seguinte.

Horários de alimentação, com duração de 15 minutos: 9:00, 10:00, 11:00, 12:00, 14:00, 15:00, 16:00 e 17:00.

Antes das sessões de alimentação é ministrada uma breve palestra aos visitantes sobre a atividade de turismo com botos e sobre as principais características desses carismáticos mamíferos aquáticos.

O visitante pode observar de perto os animais de vida livre que estão habituados a frequentar o flutuante, podendo tocá-los após a sessão de alimentação. O flutuante costumava contar também com uma plataforma submersa (que no momento encontra-se desativada), na qual o visitante podia entrar na água com os botos, comportando-se de maneira passiva.

Obs.:
O Flutuante dos Botos é uma propriedade privada que, por estar dentro do Parque, segue as normativas da Unidade. O Parque Nacional de Anavilhanas não recebe qualquer porcentagem sobre os ingressos.

Está previsto, no médio prazo, a delegação desse serviço turístico por meio de permissão ou concessão, com abertura de licitação, a fim de garantir um retorno (financeiro e/ou de outra natureza) para o parque.

 

Veja mais ::

 

PASSEIO AQUÁTICO

Disponível o ano todo, percorre o labirinto das ilhas do arquipélago de Anavilhanas, proporcionado belas paisagens. Também são realizadas nos rios Baependi e Bariaú, na porção de Terra Firme da UC.

 

PRAIAS (NA SECA, DE SETEMBRO A FEVEREIRO)

Praia do Camaleão Priscila Santos

No Parque Nacional de Anavilhanas, durante a seca, emergem praias na Orla de Novo Airão e ao longo das margens do rio Negro e ilhas do arquipélago das Anavilhanas, onde o contraste das areias brancas com as águas negras do rio Negro criam cenários de incrível beleza.

As praias mais visitadas são: praia da Orla, Aracari, Bararoá, Camaleão, Folharal/Canauirí, Iluminado, Meio, Sobrado e Tiririca. Com exceção da praia da Orla, acessível por terra, todas as outras somente são acessíveis pelo rio.

Obs.: Ao longo dos anos há pequenas variações na duração do período da seca e da cheia. Já ocorreu, por exemplo, das praias submergirem ainda em janeiro.

 

TRILHAS AQUÁTICAS DE IGAPÓ (NA CHEIA, DE MARÇO A AGOSTO)

Igapó Priscila Santos 2

Trata-se de passeios embarcados que adentram as florestas de igapós, alagadas durante a cheia, também conhecidas como florestas encantadas.

As trilhas aquáticas são permitidas em todo o arquipélago. Somente são acessíveis pelo rio, utilizando-se embarcações de pequeno porte.

Ao longo dos anos há pequenas variações na duração do período da seca e da cheia. Geralmente as trilhas aquáticas de igapó são acessíveis a partir de abril.

 

TRILHAS TERRESTRES

É possível percorrer trilhas na floresta de igapó, durante a seca, ou na floresta de terra firme, o ano todo. Nelas é possível conhecer e desfrutar de ecossistemas característicos do Bioma Amazônico.

Deve-se sempre consultar previamente, além das regras, as condições de manejo antes de percorrê-las.

As trilhas terrestres de igapó são encontradas no arquipélago das Anavilhanas: Andorinha e Miritipuca. São trilhas curtas e de fácil acesso e percurso, próximas à cidade de Novo Airão.

As trilhas de terra firme abertas à visitação são: Trilha do Bariaú e Trilha do Apuaú (base 2).



- Trilha do Bariaú

Corredeiras do Bariaú Priscila Santos 2

A Trilha do Bariaú acompanha o rio de mesmo nome, considerado um dos mais bonitos do Parque por suas belas corredeiras, que ficam cobertas durante parte da estação da cheia.

Durante a máxima seca, o acesso à trilha é bastante difícil, mesmo para embarcações pequenas, de maneira que essa trilha é recomendada durante a época de enchente, de abril a maio, ou vazante, de outubro a novembro.

Entre as corredeiras, curtas e rasas, existem vários pontos para recreação e banho. Por estar localizada em uma das áreas mais remotas do parque, as chances são boas para o avistamento de mamíferos diversos, como anta, paca, porco do mato, ariranha, entre outros.

De Novo Airão até o início da trilha, na primeira corredeira, gasta-se em média 2 horas e meia de voadeira – espécie de lancha pequena. Até a quinta corredeira, são cerca de 1,5km. Apesar do grau de dificuldade ser baixo, recomenda-se a presença de um condutor, uma vez que a trilha não se encontra sinalizada.

 

 

- Trilha do Apuaú

A trilha do Apuaú apresenta dificuldade moderada, devido à extensão e declividade em alguns trechos, embora seja possível percorrer trajetos mais curtos, se o visitante assim desejar.

Localiza-se na base 2 do ICMBio, que serve de posto de vigilância na confluência dos rios Negro e Apuaú, que faz limite com o parque. A área é acessível somente de barco, o ano todo.

A distância de Novo Airão à base 2 é de aproximadamente 30 km e a viagem de voadeira dura entre 40 e 50 minutos, dependendo da potência do motor. Na cheia o percurso é um pouco mais rápido devido aos furos (atalhos) que cortam a floresta de igapó, encurtando o trajeto.

O percurso total da trilha (ida e volta) é de cerca de 4 km, com duração aproximada de 2h30. A trilha possui alças circulares que permitem ao visitante retornar em pontos distintos, sem necessidade de percorrê-la até o final. A trilha atravessa igarapés e áreas de floresta em diferentes estágios de sucessão, sendo possível encontrar várias espécies frutíferas ao redor da base, onde antes localizava-se um sítio, anteriormente à criação do parque (há cerca de 40 anos). É comum avistar tucanos, papagaios e outras espécies de aves se alimentando destes frutos na área.

Temporariamente, a base abriga um recinto com um jovem casal de antas (Tapirus terrestris), carinhosamente chamados de Romeu e Julieta. Por ser ilegal manter espécies da fauna silvestre em cativeiro, os dois foram apreendidos pelo ICMBio em 2016 e estão em um recinto na base, construído especialmente para recebê-los, aguardando atingirem maior porte e maturidade para serem soltos na natureza.

A visitação na base 2 deve ser previamente agendada por telefone, no escritório do ICMBio em Novo Airão, ou por email (O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.). Somente são autorizados grupos com até 8 visitantes por vez.

A área conta com um espaço para alimentação, rede e sanitário, sendo possível o pernoite em rede ou acampamento, mediante autorização prévia.

 

 

Rabo-de-arame Moacir Junior

OBSERVAÇÃO DE FLORA, FAUNA E PAISAGEM

Possível de ser apreciado em todos os passeios, diurnos, noturnos, embarcados e panorâmicos. Destacam-se as árvores de grande porte, como os macucus gigantes, e a rica avifauna. Passeios para birdwacthing também são disponibilizados por operadores especializados.

 

ESCALADA EM ÁRVORE

Oferecida por operadores mediante prévio agendamento, proporcionam grande divertimento e interação com a floresta para os apreciadores de turismo de aventura. É uma atividade iniciada recentemente no parque, em duas áreas que possuem macucus gigantes. Chegar ao topo das maiores árvores do arquipélago e apreciar a vista do alto do igapó é uma experiência única.

Não é necessário ter bom preparo físico para realizar a atividade, que pode ser praticada por crianças e adultos. O valor, por pessoa, varia de R$ 325 a R$ 795, dependendo da quantidade de pessoas e do local de saída (Novo Airão ou Manaus).

Telefone da operadora:
Amazon Tree Climbing - (92) 99301-4885

 

Anavilhanas aérea seca Josângela Jesus  2

VÔO PANORÂMICO

A observação aérea do arquipélago das Anavilhanas é um espetáculo inesquecível.

Contudo, ainda é bastante restrita em função de seu alto custo. De hidroavião, o valor é de aproximadamente R$ 3.200,00 por hora, para quatro pessoas, partindo de Manaus.

Telefone das empresas aéreas:

- Sea Plan Tours - (92) 98172-2010/99991-1890

- Amazon Eco Sight - (92) 3673-9346

- Amazon Destinations - (92) 3084-4414

 

ATIVIDADES NÁUTICAS

Motorizadas (voadeiras, wakeboard, esqui aquático, banana boat etc.) ou não motorizadas (canoagem, SUP, remo, etc.), são opções de recreação e aventura que podem ser realizadas nas belas águas espelhadas do rio Negro. Embora permitidas na orla da cidade de Novo Airão, a maior parte destas atividades ainda não está disponível, por falta de operadores.

Atividades não motorizadas, como canoagem e Stand Up, são oferecidas por alguns hotéis/pousadas de Novo Airão (Amazon Park Suites, Anavilhanas Jungle Lodge, Pousada Bela Vista).

 

PERNOITE

É permitido pernoitar em vários locais do Parque, devendo ser observadas as normas específicas para cada região.

Pode ser realizado em abrigos rústicos, camping selvagem, camping suspenso (em árvores), entre outras possibilidades.

btn topo

O Que Fazer

- Interação com botos-vermelhos

- Passeio aquático

- Praias (na seca, de setembro a fevereiro);

- Trilhas aquáticas de igapó (na cheia, de março a agosto);

- Trilhas terrestres

- Observação de flora, fauna e paisagem

- Escalada em árvores

- Vôo panorâmico

- Atividades Náuticas

- Pernoite

 

ONDE FICAR

Em Novo Airão há diversas opções de estadia, de variados preços (do mais caro $$$ ao mais barato $). Seguem algumas sugestões:

- Hotel de Selva Anavilhanas Jungle Lodge: (92) 3365-1180 ($$$)

- Hotel Mirante do Gavião: (92) 3365-1181/1644 ($$$)

- Pousada Amazon Park Suites: (92) 3671-2731/ 99114-3266 ($$) *

- Pousada Bela Vista: (92) 3365-1023 ($$)

- Pousada Novo Airão: (92) 99140-5241 ($$) *

- Pousada Recanto das Orquídeas: (92) 3365-1082 / 99114-7556 ($$)

- Green Islands Hostel: (92) 99448-0887 ($)

- Hotel Rio Negro: (92) 3365-1504 ($)

- Lanna Pousada: (92) 99160-0526/99114-5432 ($)

- Pousada Cabocla: (92) 3625-1826 ($)

- Pousada Jandira: (92) 99204-0315 ($)

- Pousada Fortaleza: (92) 99154-2672 ($) *

- Pousada Paraíso: (92) 3365-1216 ($) *

 

* Mais indicadas para pessoas motorizadas, pois ficam um pouco distante da parte central de Novo Airão para ir a pé.

 

btn topo

Orientações

Não esqueça o "kit de campo", formado pelos itens: repelente, protetor solar, capa de chuva, roupa de banho e, para trilhas, calça comprida, meia e tênis apropriado. Verifique se sua vacina para febre-amarela está em dia e carregue um saco para guardar os objetos mais sensíveis durante os passeios de barco.

Não há banheiros ou serviço de comunicação no Parque Nacional de Anavilhanas, exceto nas bases de vigilância do parque (possuem radiocomunicação com o escritório do ICMBio em Novo Airão). Dependendo das condições climáticas e da disponibilidade do serviço, é possível conseguir sinal de celular nas proximidades da cidade de Novo Airão. O Parque não possui lanchonetes ou restaurantes.

 

Contatos para passeios 

Com exceção do Flutuante dos Botos e das Praias da Orla de Novo Airão, todos os demais atrativos do Parque Nacional de Anavilhanas são somente acessíveis por meio de embarcações.

Existe em Novo Airão uma associação de piloteiros/condutores, bem como empresas operadoras de turismo, que oferecem roteiros turísticos pelo parque e entorno, com duração que varia de 1 hora a alguns dias. As opções envolvem visitas a outras unidades de conservação do baixo rio Negro, como o Parque Nacional do Jaú, Parque Estadual do Rio Negro - Setor Norte, APA Margem Direita do Rio Negro e RDS do Rio Negro.

Em função do universo amazônico comportar grandes distâncias, o que envolve um alto custo operacional, sobretudo com combustível, em média os passeios de 1 hora custam R$ 120,00 (para quatro pessoas).

A dica é para que o visitante passeie o maior tempo que puder, pois vale a pena! É bom reservar algum dinheiro, caso queira adquirir alguns dos belos artesanatos de Novo Airão. Entre as opções que não se pode deixar de conhecer estão a Fundação Almerinda Malaquias, a Associação de Artesãos de Novo Airão, a loja de artesanato dos Waimiri-Atroari e a Bio Nobre. Há ainda lojinhas de artesanato nas comunidades do entorno do parque, com destaque para Tiririca, Santo Antônio, Tumbira e Três Unidos.

Abaixo os contatos dos piloteiros/condutores e das operadoras cadastradas no Parque Nacional de Anavilhanas:

 

 

 

Condutores/Operadores

Telefones:

1

Valmir Borges Monteiro (Vermelho) / Anavilhanas Tour Excursões

(92) 99238-9113/99300-8454

2

Valdecir Moris do Nascimento

(92) 99194-4387

3

Marivaldo Miranda Pontes

(92) 99100-6437

4

José Santos da Silva / Matiaratur

(92) 99169-0698

5

Reticlefe Nunes da Silva

(92) 99159-9272

6

Janderruber Farias Lopes

(92) 99183-1601

7

Pedro Guimarães Pacheco

(92) 99117-9326

8

Raimundo Nonato Gomes de Almeida / Luane Turismo

(92) 99106-0528/99287-3960/99104-5873

9

Francisco Chagas da Cruz

(92) 99256-4616

10

Carlos Robes dos Anjos Nougueira

(92) 99131-2447

11

Manoel Antonio Santana Neto

(92) 99227-5650/99223-7520/3365-1142

12

Raimundo Euler Santana da Silva

(92) 99131-4469/99447-7456

13

Antônio Carlos Soares da Silva

(92) 99154-3219

14

Elifio Francisco Pacheco Filho

(92) 99136-7392

15

Sebastião Alcantra da Cunha

(92) 99187-9705/99148-8692/99502-2949

16

Romário Barbosa Feitosa

(92) 99397-4681

17

Antonio José Nunes da Silva

(92) 99444-5763/3365-1318/98465-9874

18

Ronaldo Duarte da Silva

(92) 99249-6109

 

Operadores

Telefones: 

1

Em Cantos da Amazônia

(92) 3365-1405/99200-0351/99229-6667/3365-1023

2

Expedição Katerre Ecoturismo

(92) 3365-1644/3365-1732

 3

Amazon Travel

(92) 99142-9580

4

Natureza Amazônica Viagens e Turismo

(92) 3622-8597 / FAX: 3234-8622

5

Iberostar

(92) 2126-9900/2126-9925

6

Anavilhanas Jungle Lodge Hotelaria Ltda

(92) 3365-1180/98111-4298/3622-8996

7

Macucaua

(92) 99128 7740/3365-1254/9915-9158

8

Amazonia Expeditions

(92) 3671-2731

 

Obs.: O cadastro no Parque Nacional de Anavilhanas não é garantia para a qualidade do serviço, apenas sinaliza que os piloteiros/condutores e operadores cadastrados cumprem essa exigência normativa do Parque.

 

Endereço do Parque Nacional de Anavilhanas:

Rua Antenor Carlos Frederico n° 69 – N. Sra. Auxiliadora – Novo Airão/AM – 69.730-000

Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Telefone: (92) 3365-1345 (horário comercial)

Facebook:

https://www.facebook.com/parnaanavilhanas

https://www.facebook.com/parna.anavilhanas.5

 

btn topo