Quem Somos

ATENÇÃO:

A VISITAÇÃO AO MIRANTE DO MORRO DA IGREJA, COM VISTA PARA A PEDRA FURADA, ESTA TEMPORARIAMENTE INTERROMPIDA, DEVIDO A OBRAS NA ESTRADA DO MORRO DA IGREJA. TAL INTERRUPÇÃO OCORRERÁ ENQUANTO DURAREM AS OBRAS DOS BUEIROS.

HÁ PREVISÃO DE ABERTURA DO MORRO DA IGREJA NOS FERIADOS DE 7 DE SETEMBRO E 12 OUTUBRO. 

NÃO ESTAMOS, ASSIM, PROCEDENDO AGENDAMENTO DA VISITAÇÃO.

ATRATIVOS PRESENTES NA ESTRADA DO MORRO DA IGREJA ANTES DO ACESSO AO PNSJ ( até o KM 07) ESTÃO SENDO ACESSADOS. AGRADECEMOS A COMPREENSÃO.

AGOSTO DE 2018

GESTÃO DO PARQUE NACIONAL DE SÃO JOAQUIM

  

Os Parques Nacionais têm por objetivo básico a preservação da natureza, sendo admitido somente o uso indireto dos recursos naturais, isto é, aquele que não envolve consumo, coleta, dano ou destruição, conforme determinado pela Lei do Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC).

O Parque Nacional de São Joaquim é uma unidade de conservação federal sob gestão do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Foi criado a partir do Decreto nº 50.922, de 06 de julho de 1961, assinado pelo então Presidente da República Jânio Quadros.

Com a publicação da Lei 13.273, de 15 de abril de 2016, que altera os limites do PARNA de São Joaquim, passa a abranger cinco municípios catarinenses: Orleans, Grão Pará e Bom Jardim da Serra, Urubici e Lauro Muller.