Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Pesquisa > Menu - O Que Fazemos > Controle de gramíneas exóticas invasoras em unidades de conservação do Cerrado
Início do conteúdo da página

Controle de gramíneas exóticas invasoras em unidades de conservação do Cerrado

alt

ANO: 2012

RESUMO:

Espécies invasoras é uma ameaça à conservação da biodiversidade em unidades de conservação. Espécies de plantas invasoras podem excluir competitivamente plantas nativas, impedir os processos de sucessão ecológica e alterar o funcionamento dos ecossistemas (Lockwood et al. 2007). A presença e o impacto causado por espécies invasoras em áreas protegidas é notória e os esforços de controle ainda são limitados. Diante disso, propomos um projeto para testar técnicas de controle de gramíneas invasoras e ao mesmo tempo sensibilizar a comunidade do entorno das UCs sobre o tema. Pretendemos que este esforço sirva de subsídio ao conhecimento e incentivo para que outras Unidades de Conservação, além daquelas contempladas pelo presente projeto, realizem atividades de controle de espécies invasoras. Os estudos e o planejamento das atividades de manejo serão realizados pelo CECAT e as atividades de manejo e o envolvimento da comunidade serão realizados pelas equipes das UCs, com o apoio do CECAT. Para atingir os objetivos propostos, o presente projeto prevê o teste de técnicas de controle das gramíneas exóticas em áreas dominadas por estas espécies nas UCs. Para tal serão delimitadas parcelas seguindo um desenho experimental para a aplicação de tratamentos de controle de invasoras e facilitação de espécies nativas, e nestas parcelas serão tomadas medidas de cobertura do solo e diversidade de espécies. Para sensibilizar a comunidade de entorno das UCs sobre o problema das espécies invasoras serão realizadas atividades de educação ambiental, utilizando uma área de restauração demonstrativa e materiais didáticos e informativos.

Chefe do CECAT 

Onildo João Marini-Filho

Email: o.marini@gmail.com 

Responsável pelo Projeto (Coordenador)

Alexandre Bonesso Sampaio 

E-mail: sampaio.ab@gmail.com


registrado em:
Fim do conteúdo da página