Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Populações Tradicionais > Produção e Uso Sustentável
Início do conteúdo da página

Produção e Uso Sustentável

O Instituto busca, a partir desta área, atuar no desenvolvimento de estratégias promissoras de produção e uso sustentável dos recursos naturais que resultem na disseminação de experiências exitosas, na promoção do modo de vida dos povos e populações tradicionais, na valorização de seus conhecimentos e saberes, no manejo adequado dos recursos naturais, no intercâmbio e na ação em rede das Unidades de Conservação federais, favorecendo a gestão integrada, a inclusão social e a geração de renda.

Busca-se identificar iniciativas promissoras, tais como projetos de produção e uso sustentável e garantir o apoio a eles para implementação e disseminação dessas iniciativas. O Instituto busca dar apoio à produção, beneficiamento e comercialização dos produtos da sociobiodiversidade; à formulação e execução de planos de negócios de cadeias produtivas; e à formulação e implementação de projetos e ações para o manejo da fauna no interior das Unidades de Conservação do Grupo Uso sustentável, em particular das Reservas Extrativistas, Florestas Nacionais e Reservas de Desenvolvimento Sustentável.

O ICMBio visa, ainda, apoiar essas comunidades na formulação e implementação de projetos de manejo dos recursos pesqueiros e de ecoturismo de base comunitária; bem como na proposição de estratégias de certificação da produção extrativista.

Esta área busca constante articulação interinstitucional para a formulação de normas que regulamentem e definam procedimentos para o manejo de recursos naturais no interior de Unidades de Conservação do Grupo Uso sustentável, em particular das Reservas Extrativistas, Florestas Nacionais e Reservas de Desenvolvimento Sustentável.

O desenvolvimento de ações relativas ao reconhecimento e valorização do conhecimento tradicional associado ao patrimônio genético; a implementação de ações para o uso dos recursos naturais para práticas de medicina tradicional; de iniciativas para o uso dos recursos naturais como garantia de segurança alimentar e geração alternativa de renda; e sistematização e disseminação dos conhecimentos produzidos também são pontos estratégicos de apoio dentro da autarquia.

Uso sustentável nas Unidades de Conservação

registrado em:
Fim do conteúdo da página