Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > UCs criadas protegem onça-pintada na Bahia 
Início do conteúdo da página

UCs criadas protegem onça-pintada na Bahia 

Publicado: Quinta, 29 de Novembro de 2018, 09h42
O Parque Nacional do Boqueirão da Onça e a Área de Proteção Ambiental (APA) Boqueirão da Onça foram criados primeiro semestre de 2018.
boqueiraoonca2
A criação de áreas protegidas é fundamental na proteção das onças-pintadas. E, hoje, 29 de novembro, é oficialmente o Dia Nacional da Onça-Pintada (Panthera onca), conforme Portaria do MMA nº 8/2018, que incluir a data no calendário nacional. A onça é o maior felino das Américas e por ser topo de cadeia alimentar necessita viver em grandes áreas conservadas, o que ocorre em espaços preservados. Entretanto, a destruição do habitat aliada à caça predatória faz com que com esteja vulnerável à extinção.

No Brasil, a onça-pintada vive em diversos biomas: Amazônia, Pantanal, Mata Atlântica e Caatinga, mas é na Caatinga que ela é mais ameaçada, sendo considerada criticamente em perigo de extinção. Para salvar esta espécie, a Caatinga ganhou um reforço neste ano. O Parque Nacional do Boqueirão da Onça e a Área de Proteção Ambiental Boqueirão da Onça foram criados primeiro semestre de 2018, pelos Decretos nos 9.336 e 9377, ambos de 5 de abril de 2018. As unidades fazem parte do Núcleo de Gestão Integrada do ICMBio em Juazeiro, criado pela Portaria nº 592, de15 de junho de 2018. Estas áreas estão incluídas na proposta para a criação do Corredor Ecológico Caatinga-Onças, sendo de importância extremamente alta para conservação da biodiversidade.

Estas unidades de conservação representam um grande maciço de serras e cânions com vegetação de caatinga conservada, formando o maior contínuo para a preservação do bioma da Caatinga. Com relevo diversificado e riquezas geológicas, é um sítio arqueológico e paleontológico, possivelmente, tão rico quanto a Serra da Capivara. Possui rica biodiversidade e predadores de topo de cadeia alimentar, a exemplo da onça-pintada e da onça-parda (Puma concolor). A onça-pintada, na verdade, é objeto de conservação e um dos principais motivos de criação das unidades. O Boqueirão da Onça, além de ser um local de abundância, possivelmente o local com maior densidade de onças-pintadas do bioma, também serve como corredor para as onças que vem do Parque Nacional da Chapada Diamantina, passando pelo Parque Estadual do Morro do Chapéu, na Bahia. Corredores ecológicos são essenciais para a conservação da espécie, especialmente de animais que necessitam de grandes espaços para sobreviver, pois eles permitem que as onças se desloquem de um território a outro com segurança.

onca pintada1

Comunicação ICMBio
(61) 2028-9280

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página