Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > Multa reverterá em melhorias no Parna São Joaquim
Início do conteúdo da página

Multa reverterá em melhorias no Parna São Joaquim

Publicado: Sexta, 07 de Dezembro de 2018, 12h04
Hidrantes para apoiar o combate aos incêndios e reforma do alojamento serão as benfeitorias que serão realizadas no Parque.

acordosaon
O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) assinou um Termo de Compromisso para Conversão de Multas Ambientais no dia 3 de dezembro. A equipe do Parque Nacional de São Joaquim atuou o compromissário por corte de vegetação em área de preservação permanente na zona de amortecimento da unidade de conservação, incluindo araucárias, espécie imune de corte. O valor da multa foi de R$ 15.000,00, e como resultado da conversão, o compromissário instalará hidrantes de apoio a combate a incêndios florestais e realizará a reforma do alojamento Santa Bárbara, visando incrementar a pesquisa e a educação ambiental no Parna.

O Programa de Conversão de Multas Ambientais foi instituído através da publicação do Decreto Federal n° 9.179 de 23 de outubro de 2017, que alterou o Decreto Federal n° 6.514/2008 e viabilizado pela publicação da Instrução Normativa ICMBio n° 02/2018 de 22 de janeiro de 2018.

Sobre o Parque
O Parque de São Joaquim foi criado em julho de 1961 para proteger remanescentes de matas de araucárias, inserido no bioma da Mata Atlântica. Situado no estado de Santa Catarina, o acesso para a parte alta é pelos municípios de Urubici e Bom Jardim da Serra. Os cartões-postais são a Pedra Furada e o Morro da Igreja. A fauna apresenta mamíferos como pacas (pumas), cachorros-do-mato, bugios e jaquariricas. Entre aves encontram-se gralha-azul, a curiaca (curucaca), o caxinguelê e o scurucuá-de-barriga-vermelha.

Comunicação ICMBio
(61) 2028-9280
registrado em: ,
Fim do conteúdo da página