Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > Parque do Pau-Brasil abre as portas para o turismo
Início do conteúdo da página

Parque do Pau-Brasil abre as portas para o turismo

Publicado: Segunda, 24 de Outubro de 2016, 18h20
Evento oficial é nesta sexta. Semana que vem, visitantes poderão curtir trilhas, mirantes, cachoeira e demais belezas naturais da Mata Atlântica, na Costa do Descobrimento, na Bahia


PAU1

Brasília (24/10/2016) – O Parque Nacional do Pau-Brasil, administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), no litoral sul da Bahia, será aberto à visitação a partir da semana que vem. O evento oficial de abertura ocorrerá nesta sexta-feira (28), às 11h, na sede do parque, no Vale Verde, distrito de Porto Seguro, e deverá contar com a presença do ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, entre outras autoridades.

PAU3Na ocasião, a direção do parque fará uma rápida apresentação dos atrativos – trilhas, mirantes, rio e cachoeira –, enquanto a Conservação Internacional (CI), ONG parceira do parque, lançará o Fundo Abrolhos Terra e Mar, instrumento de captação e gestão de recursos financeiros destinados, inicialmente, a sete unidades de conservação federais da região (saiba mais abaixo).

Batizado com o nome da árvore que deu origem ao nome do nosso País, o Parque Nacional do Pau-Brasil é rico em biodiversidade. Protege mais de dez mil espécies da fauna e flora da Mata Atlântica, algumas endêmicas (só existem no local), além de importantes recursos hídricos.

Grande potencial

No total, são mais de 19 mil hectares de área protegida, com potencial para se transformar em um dos mais visitados espaços naturais da Costa do Descobrimento, que tem como polo Porto Seguro, famoso destino turístico do País.

No parque, os visitantes encontrarão trilhas abertas e sinalizadas, mirantes de observação para apreciar as paisagens naturais, além de ter a oportunidade de conhecer árvores de até 800 anos de idade bem como berçário de árvores pau-brasil.

Quem quiser explorar um pouco mais sobre a história do parque, o encontro de civilizações que ocorreu na região, as comunidades locais e a riqueza da biodiversidade local, poderá visitar a exposição no Centro de Visitantes.

Os interessados em conhecer esse cenário natural devem realizar agendamento pelo e-mail: parnadopaubrasil@gmail.com, ou ainda, por meio das operadoras de turismo, de segunda a sexta, das 8h30 às 16h. Devido aos cuidados com a preservação do local, o transporte na região só será possível com veículos 4x4.

PAU4Importância das parcerias

O parque foi criado em 1999 e ampliado em 2010. O trabalho de estruturação da unidade para oferecer atividades de turismo e lazer exigiu planejamento do uso público, estudo de viabilidade econômica, pesquisas detalhadas da área, capacitação do corpo técnico para a construção de trilhas, mirantes e demais atrativos, sinalização, dentre outros.

Todo esse trabalho foi executado ao longo de quatro anos, sendo, na última etapa (18 meses), apoiado pelo Projeto de Fortalecimento do Parque Nacional do Pau-Brasil, realizado em parceria com a Conservação Internacional (CI-Brasil) e financiado com recursos privados de parceiro local, a Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Rio do Brasil

Além do ICMBio, CI-Brasil e RPPN Rio do Brasil, foram fundamentais a parceria com a Prefeitura de Porto Seguro e o apoio da Associação Despertar Trancoso (ADT), que desenvolve o projeto Vizinhos do Parque, com foco no empoderamento de jovens e mulheres de duas comunidades do entorno do parque (Coqueiro Alto e Sapirara) e do Ministério Público Estadual da Bahia, que disponibilizou recursos financeiros.

Ao destacar os parceiros, o chefe da unidade, Fábio André Faraco, afirma que “a riqueza ambiental, cultural e histórica da região está sendo resgatada e servirá como modelo para replicar em outras unidades de conservação no Brasil”.

O vice-presidente da CI-Brasil, Rodrigo Medeiros, lembrou, por sua vez, que, nesse caso, a parceria entre o setor público, privado e terceiro possibilita o desenvolvimento sustentável de uma das regiões mais procuradas para turismo no Brasil. “É importante mostrar que, além da conservação marinha, temos a floresta de Mata Atlântica, no berço do Brasil, integrando terra e mar em toda região de Abrolhos e ampliando a conservação”, declarou ele.

PAU6O diretor de Estratégia Terrestre da CI-Brasil, Beto Mesquita, afirmou que a abertura da visitação no parque é um “marco” na história das áreas protegidas na região. “Isso porque o turismo e as comunidades locais vão passar a contar com mais um vetor para o desenvolvimento sustentável da região”.

Fundo Abrolhos Terra e Mar – Mecanismo financeiro para conservação

No evento de abertura, a CI-Brasil lança o Fundo Abrolhos Terra e Mar, instrumento de captação e gestão de recursos financeiros destinados, inicialmente, a sete unidades de conservação federais da região: os parques nacionais do Pau-Brasil, Monte Pascoal, do Descobrimento e Marinho dos Abrolhos; as reservas extrativistas de Corumbau e Cassurubá e o Refúgio de Vida Silvestre de Rio dos Frades.

Os recursos do fundo, que inicia com um aporte de U$ 2,1 milhões oriundos do Global Conservation Found (GCF), serão aplicados na preparação dessas áreas para uso público, turismo, lazer e educação ambiental.

Serviço:

Cerimônia de abertura à visitação do Parque Nacional do Pau-Brasil
Dia: Sexta-feira, 28 de outubro
Hora: 11 h
Local: Estrada Velha Arraial - Itabela s/nº - Distrito de Vale Verde, Porto Seguro (BA) - Sede PNPB

Comunicação ICMBio – (61) 2028-9280
registrado em: ,
Fim do conteúdo da página