Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > Conheça os representantes do Bioma Caatinga
Início do conteúdo da página

Missão colombiana visita ICMBio

Publicado: Quinta, 14 de Junho de 2018, 10h58
Técnicos ligados ao meio ambiente da Colômbia conheceram estratégias contra desmatamento em UCs.

Ramilla Rodrigues 
Ramilla.rodrigues@icmbio.gov.br
colombia
O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) recebeu na tarde de quarta-feira (13) um grupo técnico da Colômbia representando o Ministério do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do país sul-americano. A missão começou no dia 11 e termina no próximo dia 15, e tem como objetivo principal estabelecer intercâmbios de experiências sobre a gestão florestal.

No ICMBio, a principal agenda foi o contato e a troca de experiências sobre as estratégias contra o desmatamento em Unidades de Conservação. Desde a criação do Instituto, em 2007, o ICMBio vem obtendo êxito no combate ao desmatamento dentro das UCs, áreas sob sua responsabilidade.

A comitiva colombiana foi apresentada aos métodos de monitoramento da deflorestação da Amazônia como os mapas PRODES (dados oficiais de desmatamento), DETER (desmatamento em hectares menores) e DETEX (desmatamento por corte seletivo).

Outro assunto tratado foram as ações de fiscalização e como o ICMBio as desenvolve. O processo de capacitação, denominado de “Trilhas de Aprendizagem” e a presença da ACADEBio chamaram bastante a atenção dos visitantes. “A nossa meta principal foi de entender como o pensamento de vocês se estruturou no combate ao desmatamento e também trocar experiências, estreitar as relações para parcerias mais sólidas”, disse o representante do Ministerio de Ambiente y Desarrollo Sostenible, David Urrego.

A visita dos colombianos ocorreu dentro da temática de REDD+ (Reduções das Emissões de Gases de Efeito Estufa provenientes do Desmatamento e da Degradação Florestal, Conservação dos Estoques de Carbono Florestal, Manejo Sustentável de Florestas e Aumento de Estoques de Carbono Florestal). Além do controle do desmatamento, colombianos e brasileiros trocaram experiências nas áreas de Cadastro Ambiental Rural (CAR), fiscalização e monitoramento ambiental.

Os colombianos começaram as reuniões na segunda-feira (11) no Ministério do Meio Ambiente, onde foram recebidos pelo Secretário de Mudança do Clima e Florestas, Thiago Mendes, e onde foram apresentados ao status do desmatamento no Brasil, compromissos internacionais e projetos desenvolvidos na área. No dia seguinte, foi a vez do IBAMA recepcionar os colombianos onde apresentaram sobre o sistema Cenima e a estrutura de fiscalização ambiental. Eles também foram ao Serviço Florestal do Brasil onde foram apresentados ao Cadastro Ambiental Rural (CAR) e concessões florestais.

Parte do grupo, com membros do Ministério da Defesa, Polícia Nacional da Colômbia, Agência Nacional de Terras e outros órgãos colombianos participaram de uma ação de fiscalização junto ao IBAMA em Sinop (MT).

Áreas Protegidas na Colômbia

Nossos vizinhos são considerados um dos países mais megadiversos do mundo atrás apenas do Brasil, sendo os terceiros em número de espécies vivas e o primeiro em espécies de aves. Ao todo, são 59 parques nacionais da Colômbia administrados pelo Sistema Nacional de Unidades de Conservação e Áreas Protegidas que abrangem 11,28% do território nacional. Além do Ministério de Ambiente y Desarrollo Sostenible, há mais 5 institutos de Investigacíon y Biodiversidad que cuidam de áreas do Pacífico, Amazônia, Costas, Parque Nacionais e um Nacional.

Comunicação ICMBio
(61) 2028-9280

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página