Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > UC realiza atividade para homenagear o Dia do Cerrado
Início do conteúdo da página

UC realiza atividade para homenagear o Dia do Cerrado

Publicado: Sexta, 14 de Setembro de 2018, 11h51
Parque Nacional da Chapada dos Guimarães e parceiros exibem filme sobre o Cerrado.

cinedebate
Na última terça-feira (11), o Parque Nacional da Chapada dos Guimarães celebrou o Dia do Cerrado, realizando um cine debate sobre o filme-documentário “Ser Tão Velho Cerrado”. Quase cinquenta pessoas, entre elas representantes do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), da Secretaria de Turismo Cultura e Meio Ambiente de Chapada dos Guimarães e de entidades que participam do Conselho Consultivo do Parque Nacional, compareceram ao evento que aconteceu no Centro de Atendimento ao Turista, no município de Chapada dos Guimarães.

Na oportunidade, as analistas ambientais do ICMBio Cíntia Brazão, que é chefe da Unidade de Conservação, e Priscilla Estevão fizeram a abertura do evento. O filme-documentário trata da realidade do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, em que preocupados com o fim do Cerrado no estado de Goiás, os moradores da Chapada dos Veadeiros buscam alternativas de desenvolvimento para sua região.

“Mas essa realidade que nos foi mostrada guarda muitas semelhanças com a região da Chapada dos Guimarães. O garimpo, a produção agrícola mecanizada altamente poluidora, os impactos dos empreendimentos sujeitos ao licenciamento ambiental, a pressão e a opressão vividas pelas comunidades locais do entorno da Unidade de Conservação (UC), o pouco incentivo ao ecoturismo e à produção orgânica de alimentos, tudo isso faz parte dos desafios da gestão do Parque”, exemplifica Priscilla.

Convidados a um bate-papo depois do filme para realizar novas conexões, trocas e reflexões, os participantes abordaram diversas questões importantes, tais como: participação cidadã, mobilização da coletividade, ações e práticas educativas inovadoras e uso da arte como poderosa ferramenta de sensibilização e agregação social.

Segundo Priscilla, a proposta de distribuição não convencional do filme através do VIDEOCAMP, plataforma de acesso onde usuários podem se cadastrar, preencher um formulário muito simples, receber o link do filme para download e realizar sua exibição no espaço público que bem entender, é interessantíssima. "Aproximar filmes transformadores de pessoas que querem transformar o mundo, criando um ambiente propício ao entendimento e ao diálogo: essa é a proposta do VIDEOCAMP", afirma.

Com o interesse dos professores da rede de ensino pública do município, a estratégia definida pela equipe do Programa de Educação Ambiental na Unidade de Conservação é estimular as escolas a serem espaços exibidores e realizarem os cine-debates. A Educação Ambiental se faz na prática.

PRÓXIMAS EXIBIÇÕES DO CINE DEBATE
O planejamento da próxima edição já começou. A equipe do Parque deverá produzir uma segunda exibição, contando de novo com as parcerias, mas dessa vez será em Cuiabá, inaugurando o auditório do Ibama.

Veja aqui o filme e as exibições com debate programadas no pelo país. 

Comunicação ICMBio
(61) 2028-9280
registrado em: ,
Fim do conteúdo da página