Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Destaques > Aberta inscrição para oficinas sobre Ecoforte Extrativista
Início do conteúdo da página

Aberta inscrição para oficinas sobre Ecoforte Extrativista

Publicado: Quinta, 28 de Abril de 2016, 19h25
Projeto investe na inclusão socioprodutiva de comunidades da Amazônia


Projeto investe na inclusão socioprodutiva de comunidades da Amazônia

Foto: Arquivo Agência de Notícias do Acre
Brasília (28/04/2016) – O Ministério do Meio Ambiente (MMA) está selecionando interessados em fazer as oficinas de capacitação para o II Edital do Ecoforte Extrativista da Fundação Banco do Brasil (FBB). Podem participar gestores das unidades de conservação (UCs) e representantes de comunidades extrativistas da Amazônia e de instituições parceiras.

As inscrições estão abertas até o dia 6 de maio (sexta-feira da semana que vem). Serão duas oficinas, uma nos dias 19 e 20 de maio e outra nos dias 23 e 24 de maio, em Brasília. Os participantes de outros estados receberão passagens e diárias. São oferecidas 30 vagas para cada oficina e as inscrições podem ser feitas pelo formulário online disponível aqui.

O objetivo das oficinas é treinar gestores, técnicos e servidores a ajudar associações e cooperativas extrativistas a elaborar projetos para o edital Ecoforte Extrativismo. Durante as oficinas, os participantes poderão tirar dúvidas e receber orientações sobre o processo seletivo e o preenchimento do plano de trabalho.

Edital

O edital Ecoforte Extrativismo está com inscrições abertas até o dia 4 de julho (Leia matéria ou clique aqui para ir direto ao edital). Serão disponibilizados R$ 8 milhões em investimento para a inclusão socioprodutiva de comunidades extrativistas do bioma Amazônia.

Os recursos serão liberados por meio da Fundação Banco do Brasil e do Fundo Amazônia, gerido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O objetivo é apoiar projetos voltados à estruturação de empreendimentos econômicos coletivos, visando às etapas de produção, beneficiamento e/ou comercialização de produtos oriundos do uso sustentável da sociobiodiversidade.

O Ministério do Meio Ambiente colaborou na elaboração do edital e está mobilizado para divulgar essa oportunidade junto às associações comunitárias.

Comunicação ICMBio – 2028-9280 – com informações da Ascom do MMA (Letícia Verdi) e da FBB
registrado em: ,
Fim do conteúdo da página