Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Parque Nacional adota técnicas de conservação do solo
Início do conteúdo da página

Parque Nacional adota técnicas de conservação do solo

Publicado: Sexta, 25 de Julho de 2014, 14h31

Intenção é desenvolver atividades dos agricultores familiares de maneira mais sustentável

Intenção é desenvolver atividades dos agricultores familiares de maneira mais sustentável

Parque Nacional adota técnicas de conservação do solo

Nara Souto
nara.souto@icmbio.gov.br

Brasília (25/07/2014) — Os agricultores familiares que vivem no entorno do Parque Nacional de Ubajara (CE) agora têm o apoio da Cooperativa Agroextrativista Familiar da Ibiapaba e Norte Cearense (COOAF) para desenvolver suas atividades de uma maneira mais sustentável, a partir da adoção de técnicas de conservação do solo, água e vegetação.

A Cooperativa, criada no último dia 5, faz parte das ações do Projeto "Sertão Vivo: Saber e trabalho na Caatinga", desenvolvido pela Fundação Centro de Ecologia e Integração Social em parceria com a gestão do Parque, que promove ações de educação ambiental com foco na preservação de recursos naturais junto à comunidade nas áreas próximas às Unidades de Conservação (UC).

Com a necessidade de desenvolver atividades de geração de renda, trabalho e segurança alimentar, o chefe da UC, Gilson Mota, explicou que a Cooperativa vem se responsabilizar pela organização desses agricultores, inserindo-os no mercado de trabalho e na produção e comercialização dos produtos provenientes de área manejadas, de sistemas integrados de produção, principalmente carvão, além de frutas, verduras e artesanatos. "Tudo de acordo com o seu estatuto, as normas e legislação vigentes" informou Mota.

A assembleia de formação e criação da Cooaf aconteceu no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Frecheirinha (CE) e contou com a participação de autoridades e representantes das Associações Comunitárias dos municípios de Frecheirinha e Ubajara (CE), membros do Instituto Carnaúba de Meruoca (CE) e dos Sindicatos dos Trabalhadores Rurais dos municípios de Ubajara, Ibiapina (CE) e Frecheirinha.

Sobre o Parque Nacional de Ubajara

Criado em abril de 1959, o Parque Nacional de Ubajara é uma das 313 Unidades de Conservação federais geridas pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). O Parque abrange uma área de 6,2 mil hectares e está localizado nos municípios cearenses de Ibiapina, Frecheirinha, Tianguá e Ubajara.

Vinculada à Coordenação Regional 5 (CR5) do ICMBio, a UC está inserida no Bioma Caatinga, mas dispõe de três ecossistemas: Mata Atlântica; Transição entre a Mata Atlântica e a Caatinga; e Caatinga. No local, são realizadas pesquisas científicas e atividades de educação e interpretação ambiental, recreação em contato com a natureza e de turismo ecológico.

Entre os principais atrativos turísticos do Parque está o passeio de teleférico, que oferece não apenas uma visão panorâmica da Caatinga, como também leva à entrada da Gruta de Ubajara – uma das maiores do Brasil, repleta de formações rochosas esculpidas pela água, que escorre das paredes há milhões de anos.

Conheça mais sobre o Parque Nacional de Ubajara

registrado em:
Fim do conteúdo da página