destaque aparados

=======================

PANDEMIA DE COVID-19

ATENÇÃO: as trilhas poderão estar fechadas ou operando COM NÚMERO LIMITADO DE VISITANTES em função de Decretos Estaduais do GOVERNO DO RS ou do GOVERNO DE SC, ou ainda em função de Decretos Municipais de Cambará do Sul/RS, Praia Grande/SC ou Jacinto Machado/SC. Antes de viajar até os Parques Nacionais de Aparados da Serra (Canyon Itaimbezinho) e da Serra Geral (Canyon Fortaleza) confira situação da visitação na página do FACEBOOK (https://www.facebook.com/parquenacionalaparadosdaserra/) ou no TWITTER (https://twitter.com/PNAS_PNSG) dos Parques.

=======================

 
PREVENÇÃO À COVID-19

RECOMENDAÇÕES AOS USUÁRIOS DOS PARQUES NACIONAIS DE APARADOS DA SERRA E DA SERRA GERAL

(atualização: 25/07/2020)

O Chefe do Núcleo de Gestão Integrada Aparados da Serra Geral no uso das atribuições que lhe confere a Portaria nº 296, de 28 de abril de 2020, e com base no Art. 8º da Portaria n° 696, de 08 de junho de 2020, a qual estabeleceu a reabertura da visitação pública nos Parques Nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral, e

Considerando o enquadramento do município de Cambará do Sul/RS, conforme http://distanciamentocontrolado.rs.gov.br/ , e a publicação do Decreto Municipal nº 2.529, de 24/07/2020, assinado pelo Prefeito de Cambará do Sul/RS;

Considerando a publicação do Decreto Municipal nº 56, de 24/07/2020 (VERSÃO RETIFICADA), assinado pelo Prefeito de Praia Grande/SC; e

Considerando a publicação do Decreto Municipal nº 082, de 16/07/2020, assinado pelo Prefeito de Jacinto Machado/SC.

 

RECOMENDA:

1. Fiquem atentos aos sintomas da COVID 19, tais como febre, dores no corpo, dor de cabeça, dor de garganta, tosse seca, espirro, falta de ar e/ou dificuldades para respirar. Caso tenham algum destes sintomas, PROCUREM UM MÉDICO, e, acima de tudo, EVITEM LUGARES PÚBLICOS;

2. O ICMBio não recomenda, neste momento, que pessoas integrantes do grupo de risco para o COVID-19, tais como: idosos, hipertensos, imunodeprimidos, diabéticos, gestantes, asmáticos, portadores de doenças crônicas, etc, visitem os Parques Nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral. O ICMBio não está proibindo a entrada dessas pessoas nos Parques, mas sim alertando de que não é recomendada a sua visitação neste momento por integrantes desse grupo, porque sempre existe algum risco de ser contagiado pelo coronavírus durante a visitação;

3. O uso de máscaras é obrigatório durante todo o tempo de permanência no interior dos Parques INCLUSIVE DURANTE AS TRILHAS, não devendo ser retirada, pois é para sua proteção e para a proteção de todos que estão visitando ou trabalhando nos Parques;

4. Os integrantes das equipes de servidores e colaboradores que estão trabalhando nos Parques Nacionais e aqueles que atuam diretamente nas operações de apoio à visitação deverão obrigatoriamente usar, além das máscaras de tecido, máscaras faciais de policarbonato, visando aumentar a barreira ao contágio, pois estes servidores e colaboradores são os mais exposto a uma possível contaminação, salvo em atividades que não envolvam o contato direto do servidor ou colaborador em atividade com o público;

5. O ICMBio sabe da importância da visitação aos atrativos naturais dos Parques Nacionais para o bem-estar e a saúde mental das pessoas. Porém, as trilhas e atrativos poderão ser fechados em função de alterações na situação de risco de disseminação da COVID-19 nos municípios de Cambará do Sul/RS, Praia Grande/SC ou Jacinto Machado/SC. Sempre consulte o Twitter dos Parques para saber as atualizações destas situações: https://twitter.com/PNAS_PNSG .

6. As TRILHAS LOCALIZADAS EM SC (Trilha do Rio do Boi/PNAS, Trilha das Piscinas do Malacara/PNSG e Trilha do Tigre Preto/PNSG) PERMANECEM ABERTAS, mas operando com capacidade máxima de 40% do seu total, ou seja, de 55 visitantes/dia e máximo de 05 visitantes/condutor turístico. Por tratarem-se de trilhas de interior de Canyon e que envolvem diversas travessias por dentro dos rios, alertamos que as Trilhas localizadas em SC estão sujeitas a fechamento devido a condições climáticas adversas (nível alto dos rios e/ou temperaturas muito baixas). Estas limitações tem a finalidade de garantir a segurança física e sanitária de visitantes e trabalhadores, por isso pedimos desculpas pelos possíveis transtornos e contamos com a compreensão de todos os que não conseguirem acessar os Parques neste período. É muito importante que os interessados não insistam em entrar nos Parques Nacionais se a capacidade já estiver esgotada ou se as Trilhas estiverem fechadas, pois assim evitaremos possíveis acidentes e autuações.

7. As normas de adequação à visitação dos atrativos dos Parques Nacionais durante a pandemia que estão sendo apresentadas pelo ICMBio foram baseadas nas regulamentações realizadas pelos governos dos Estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e dos Municípios de Cambará do Sul (RS), Praia Grande (SC) e Jacinto Machado (SC), bem como por parte da Chefia dos Parques Nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral, as quais poderão ser alteradas a qualquer momento.

8. Os Parques Nacionais de Aparados da Serra e da Serra Geral não estarão abertos ao público nas segundas-feiras, visando ter um dia por semana para reorganizar as equipes, higienizar os ambientes e atender demandas internas. Portanto, funcionarão somente de terça-feira a domingo.

9. As regras de segurança sanitária deverão ser seguidas à risca por todos, mantendo sempre um distanciamento de, no mínimo, 2 metros de raio entre as demais pessoas para evitar a contaminação pelo coronavírus.

10. O uso do sanitário do PIC Rio do Boi/PNAS deverá obedecer a capacidade máxima de 1 pessoa por vez.

11. Seja disciplinado e evite aglomerações no interior dos parques, em pontos tais como: durante a caminhada, bancos, pontos de entrada e saída, sanitário, etc. Estas aglomerações serão dispersadas pelos servidores e colaboradores do ICMBio;

12. Para evitar a possibilidade de dispersão do coronavírus, haverá barreira sanitária por parte da Secretaria Municipal da Saúde de Praia Grande, na SC 290, no trevo de acesso à Trilha do Rio do Boi, onde será realizada a medição de temperatura dos visitantes, condutores turísticos e demais passantes que para essa região se deslocarem;

13. Na operação da Trilha do Rio do Boi os condutores turísticos deverão orientar os visitantes para que ao chegarem na Portaria de Informações e Controle desembarquem e fiquem aguardando em local apropriado, com distanciamento de 2 metros, evitando aglomerações, enquanto ainda houver pessoas do grupo anterior usando os sanitários e somente usá-los por grupos diferentes depois de realizada sua limpeza e desinfecção;

14. Os acessos aos sanitários da Trilha do Rio do Boi deverão ser organizados pelos condutores turísticos e colaboradores locais do ICMBio, de forma a evitar a aglomerações das pessoas e garantir o distanciamento mínimo de 2 metros de raio entre os usuários. Esta medida de distanciamento é importante porque de nada adianta diminuir o número de pessoas na visitação se deixarmos que os grupos se misturem na hora da entrada e da saída dos sanitários;

15. A Trilha do Tigre Preto, pelo interior do Cânion Fortaleza, funcionará no mesmo formato da Trilha das Piscinas do Cânion Malacara, em que o Condutor deverá primeiro passar com os visitantes pela barreira sanitária do município onde localiza-se a entrada da Trilha e ao fim do dia deverá encaminhar ao e-mail do parque (O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.) a Ficha Sanitária indicando que o grupo que ele conduziu atende as medidas sanitárias estabelecidas pelo Estado de Santa Catarina e pelo Município de Jacinto Machado ou de Praia Grande. Estas medidas visam o maior controle possível dos usuários que visitam as Trilhas dos Parques Nacionais no território de Santa Catarina;

16. Os visitantes devem utilizar os estacionamentos de forma racional, maximizando seu uso e evitando aglomerações. Estas aglomerações serão dispersadas pelos servidores e colaboradores.

17. Os visitantes não devem deixar seus pertences à vista no interior dos seus veículos, evitando chamar a atenção dos amigos do alheio e a perda de seus bens.

18. É proibido jogar lixo no interior dos parques nacionais. Todo o lixo produzido deverá ser levado de volta para a cidade ou ser devidamente acondicionado nas lixeiras que existem nos Parques. Esta orientação vale inclusive para fraldas, papéis higiênicos, lenços descartáveis, absorventes e bagana de cigarros. Se não forem encontradas lixeiras no local onde o visitante está, este deverá guardar o seu lixo até encontrar uma lixeira adequada para depositar o resíduo;

19. Será disponibilizado álcool em gel aos servidores, colaboradores e visitantes, mas recomendamos que cada um carregue no interior de seu veículo e consigo um frasco de álcool gel, 70%, para realizar a sua higienização individual constante;

20. Seja educado e disciplinado e não descumpra as orientações dos servidores e prestadores de serviços dos Parques, pois elas existem para a proteção coletiva e boa convivência de todos;

21. Estas Recomendações não esgotam o assunto, podendo ser alteradas a qualquer momento, visando à proteção da vida humana e da defesa do meio ambiente para as presentes e futuras gerações;

22. Estas Recomendações entram em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições em contrário.

Cambará do Sul, 25 de julho de 2020

JOÃO JOSÉ CORRÊA DA SILVA

Chefe do NGI Aparados da Serra Geral/ICMBio

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Parque Nacional de Aparados da serra

Junto à porção mais oriental da divisa dos estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, na região sul do Brasil, situam-se os Parques Nacionais de Aparados da Serra e Serra Geral, abrangendo uma área de aproximadamente 30.400 ha, distribuída ao longo dos contrafortes da região natural comumente denominada de Aparados da Serra, inserida na Formação Geológica Serra Geral – daí a origem do nome destas importantes unidades de conservação.

pnas pnsg localização

 

Mapa turístico / Touristic map:

  Português English Español
  Frente Frontside Frente
  Verso Backside Verso

 

 

btn institucional

btn topo

Quando Ir

=======================

PANDEMIA DE COVID-19

ATENÇÃO: as trilhas poderão estar fechadas ou operando COM NÚMERO LIMITADO DE VISITANTES em função de Decretos Estaduais do GOVERNO DO RS ou do GOVERNO DE SC, ou ainda em função de Decretos Municipais de Cambará do Sul/RS, Praia Grande/SC ou Jacinto Machado/SC. Antes de viajar até os Parques Nacionais de Aparados da Serra (Canyon Itaimbezinho) e da Serra Geral (Canyon Fortaleza) confira situação da visitação na página do FACEBOOK (https://www.facebook.com/parquenacionalaparadosdaserra/) ou no TWITTER (https://twitter.com/PNAS_PNSG) dos Parques.

=======================

O Parque Nacional de Aparados da Serra é aberto à visitação todo o ano, exceto às segundas-feiras.

O horário de visitação do Parque Nacional de Aparados da Serra (Cânion Itaimbezinho) é das 8h às 17h, de terça a domingo (abrindo nas segundas-feiras apenas quando precedem feriados nacionais e durante o Carnaval, Natal e Ano Novo). Todos os visitantes devem deixar o Parque até as 18h.

Para a Trilha do Cotovelo é necessário adentrá-la antes das 15h e a Trilha do Rio do Boi, antes das 13h.

Nos meses de primavera e verão as Andorinhas e Andorinhões - aves migratórias - vem aos Aparados da Serra para escapar do inverno no Hemisfério Norte e proporcionam um espetáculo à parte junto às Cachoeiras do Canyon Itaimbezinho.

Não é possível prever quando se dará a formação de neblina. Em dias quentes a probabilidade de conseguir ver os canyons é maior de manhã cedo, quando as temperaturas estão mais amenas. Para saber como estão a temperatura e precipitação junto ao Centro de Visitantes Itaimbezinho, consulte o link da Estação Meteorológica da UFRGS, onde os dados são atualizados automaticamente a cada 10 minutos.

Não é obrigatória a presença de condutor turístico ou guia na parte de cima (borda) do Itaimbezinho (Entrada Gralha Azul, trilhas Vértice e Cotovelo), porém a experiência de visitação é mais rica quando conduzida por um condutor local.

Lembramos que não é permitida a entrada de animais de estimação.

btn topo

Como Chegar

=======================

PANDEMIA DE COVID-19

ATENÇÃO: as trilhas poderão estar fechadas ou operando COM NÚMERO LIMITADO DE VISITANTES em função de Decretos Estaduais do GOVERNO DO RS ou do GOVERNO DE SC, ou ainda em função de Decretos Municipais de Cambará do Sul/RS, Praia Grande/SC ou Jacinto Machado/SC. Antes de viajar até os Parques Nacionais de Aparados da Serra (Canyon Itaimbezinho) e da Serra Geral (Canyon Fortaleza) confira situação da visitação na página do FACEBOOK (https://www.facebook.com/parquenacionalaparadosdaserra/) ou no TWITTER (https://twitter.com/PNAS_PNSG) dos Parques.

=======================

Vindo de SC pela BR 101, entrada do acesso para São João do Sul - Praia Grande (21 km pela SC290 - antiga SC450 - até Praia Grande) e 23 km de estrada de terra até a entrada do Parque, subindo pela Serra do Faxinal (SC290, depois RS 427). Praia Grande fica a cerca de 300 km da capital Florianópolis e a 210 km da capital Porto Alegre, pela BR 101.

Vindo pelo RS, acessar o trevo para Cambará do Sul (na Rota do Sol ou RS-020). Em Cambará, dobrar à direita na Estrada do Itaimbezinho (RS427), e então são 18km de estrada de terra até a entrada do Parque. Cambará do Sul fica a cerca de 190 km de distância da capital Porto Alegre.

btn topo

Planeje sua visita

=======================

PANDEMIA DE COVID-19

ATENÇÃO: as trilhas poderão estar fechadas ou operando COM NÚMERO LIMITADO DE VISITANTES em função de Decretos Estaduais do GOVERNO DO RS ou do GOVERNO DE SC, ou ainda em função de Decretos Municipais de Cambará do Sul/RS, Praia Grande/SC ou Jacinto Machado/SC. Antes de viajar até os Parques Nacionais de Aparados da Serra (Canyon Itaimbezinho) e da Serra Geral (Canyon Fortaleza) confira situação da visitação na página do FACEBOOK (https://www.facebook.com/parquenacionalaparadosdaserra/) ou no TWITTER (https://twitter.com/PNAS_PNSG) dos Parques.

=======================

 

Atualmente não há cobrança de ingressos para entrada no Parque.

Não é permitido entrar com animais de estimação, nem fazer churrasco ou fogueiras na área do Parque.

Traga seu lanche e água. Não há lanchonetes ou restaurantes no Parque. O Centro de Visitantes conta com banheiros e bebedouros.

SEJA CONSCIENTE: LEVE EMBORA TODO SEU LIXO.

Bom passeio :)

ATENÇÃO: Alguns GPS tem orientado os motoristas a acessar o Parque por uma entrada antes de chegar ao Centro de Cambará do Sul/RS. Esta entrada ESTÁ INTERDITADA HÁ ANOS. O acesso ao Parque Nacional de Aparados da Serra deve ser feito: (a) ou entrando no centro de Cambará do Sul/RS e pegando a estrada na esquina do Supermercado Pedra Branca, (b) ou acessando a zona rural de Cambará via Estrada do Crespo (entrada ao lado do Cambará Lodge) e dobrando à direita no cruzamento do Morro Agudo, (c) ou, para quem vem de Praia Grande/SC em direção à Cambará do Sul/RS, subindo a Serra do Faxinalzinho, a estrada passa em frente à portaria do Parque.

btn topo

Atrativos

O maior atrativo do Parque é o Cânion Itaimbezinho. Com profundidade de até 700m, paredões verticais e fenda estreita, é um dos maiores das américas. Além disso tem as paredes rochosas ornadas pelo verde exuberante da Mata Atlântica.

O Parna de Aparados da Serra é formado por Mata Atlântica e Floresta de Araucária, campos e penhascos, que são moradas de papagaios-de-peito-roxo, jaguatirica, guaxinim e leão-baio.

São três as trilhas abertas ao público, sendo a trilha do Vértice e a do Cotovelo as principais atrações. A Trilha do Rio do Boi é o acesso ao interior do cânion. A entrada é pelo Posto de Informação e Controle do Rio do Boi, que fica no município de Praia Grande/SC.

Trilha Horário Entrada Entrada por Guia Horas Tipo
Vértice 08h00 – 17h00 Cambará do Sul – RS Não  1 Borda – Planalto
Cotovelo 08h00 – 15h00 Cambará do Sul – RS Não 3 Borda – Planalto
Rio do Boi 08h00 – 13h00 Praia Grande – SC Facultativo 6 Interior – Rio
btn topo

O Que Fazer

ATENÇÃO: EM FUNÇÃO DA PANDEMIA DE COVID-19, AS TRILHAS E ATRATIVOS DOS PARQUES NACIONAIS PODEM SER FECHADOS TEMPORARIAMENTE, CONFORME ALTERAÇÕES NO RISCO DE DISSEMINAÇÃO DO CORONAVÍRUS NOS MUNICÍPIOS DE CAMBARÁ DO SUL/rs, PRAIA GRANDE/SC E JACINTO MACHADO/SC. Alterações são publicadas no twitter ( https://twitter.com/PNAS_PNSG ) e no facebook ( https://www.facebook.com/parquenacionalaparadosdaserra/ ) dos parques.

  • Caminhadas
  • Bicicleta nas trilhas de planalto
  • Jogar Geocaching - saiba o que é e como jogar
  • Banho de rio (somente na Trilha do Rio do Boi)
  • Recreação em contato com a natureza
  • Visita à exposição
  • Contemplação, fotografia ou arte
  • Observação de fauna
  • Piquenique nas áreas permitidas
  • Banho de floresta (Shinrin-yoku) - saiba o que é
  • Deseja fazer uma atividade diferente destas? Envie um e-mail explicando a atividade, o público envolvido, o período em que gostaria de realizar esta atividade, se ela será gratuita ou não, para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  e solicite orientações para obter uma Autorização do ICMBio.
btn topo

Orientações

=======================

PANDEMIA DE COVID-19

ATENÇÃO: as trilhas poderão estar fechadas ou operando COM NÚMERO LIMITADO DE VISITANTES em função de Decretos Estaduais do GOVERNO DO RS ou do GOVERNO DE SC, ou ainda em função de Decretos Municipais de Cambará do Sul/RS, Praia Grande/SC ou Jacinto Machado/SC. Antes de viajar até os Parques Nacionais de Aparados da Serra (Canyon Itaimbezinho) e da Serra Geral (Canyon Fortaleza) confira situação da visitação na página do FACEBOOK (https://www.facebook.com/parquenacionalaparadosdaserra/) ou no TWITTER (https://twitter.com/PNAS_PNSG) dos Parques.

=======================

NÃO É PERMITIDO NO PARQUE NACIONAL DE APARADOS DA SERRA:

  • entrada de animais de estimação dentro dos Parques Nacionais (cachorros, gatos ou outros)
  • acampar
  • ultrapassar as barreiras de delimitação de acesso
  • nadar ou caminhar dentro dos cursos d'água (exceto Trilha do Rio do Boi)
  • coletar material biológico (vegetal ou animal) ou mineral sem autorização oficial
  • fazer uso de fogo
  • alimentar os animais silvestres
  • caminhar fora das trilhas demarcadas
  • jogar qualquer tipo de resíduos (inclusive papel higiênico) fora das lixeiras
  • permanecer no parque após as 18h (sem autorização oficial específica).

Recomenda-se consultar sobre a visibilidade nos Parques através do Twitter (https://twitter.com/#!/PNAS_PNSG), com informativos atualizados diariamente sobre as condições de visitação.

 Acesse o Guia de Conduta Consciente em Ambientes Naturais

btn topo