Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Fauna Brasileira > Lista de Espécies Ameaçadas > Invertebrados Terrestres - Troglobius brasiliensis Palacios-Vargas & Zeppelini, 1995 - Colêmbolo
Início do conteúdo da página

Invertebrados Terrestres - Troglobius brasiliensis Palacios-Vargas & Zeppelini, 1995 - Colêmbolo

Classificação Taxonômica
Grupo
Classe:
Ordem:
Família:
Espécie:
Nome Vulgar:
Invertebrados Terrestres
Entognatha
Collembola
Paronellidae
Troglobius brasiliensis Palacios-Vargas & Zeppelini, 1995
Colêmbolo
Categoria de Ameaça
Categoria Validada:
Critério Validado:
Presença Lista Anterior:
CR
B2ab(iii)
Justificativa
Troglobius brasiliensis é endêmica do Brasil, com ocorrência conhecida através dos exemplares da série tipo, coletados na Caverna do Limoeiro, em Medicilândia, no Pará, e um único exemplar da Gruta dos Paiva, em Iporanga-SP. O registro da Gruta dos Paiva representa uma espécie diferente, também troglóbia e sujeita às mesmas ameaças observadas na localidade tipo no estado do Pará. Apesar das espécies ainda não terem sido formalmente separadas, ambas encontram-se em situação de risco. No caso de T. brasiliensis, a área de ocupação da espécie é restrita (apenas uma localidade) e se trata de uma única caverna, com área inferior a 10 km². A caverna sofre pressão e desgaste oriundos das populações adjacentes e da atividade de visitação turística. Os visitantes causam degradação e perda de hábitat original e indivíduos da população através do pisoteamento da fauna de solo e dos microhabitats ocupados por ela, como acúmulos de guano e poças d’água. É válido ressaltar que, embora a espécie tenha sido descrita em 1995, a área de Medicilândia e adjacências foi intensamente estudada e os registros de espécimes de colêmbolos na área, resultantes de amostragem seguidas, confirmam que T. brasiliensis está de fato restrita à Caverna do Limoeiro. Por isso, T. brasiliensis foi categorizada como Criticamente em Perigo (CR ) pelo critério B2ab(iii).
Especialistas
Bruno Cavalcante Bellini – UFRN, Douglas Zeppelini Filho – UEPB, Eduardo Assis Abrantes – MZUSP, Elisiana Pereira de Oliveira – INPA, Gabriel Costa Queiroz – MNRJ, José G. Palácios-Vargas - UNAM(MEX).
Referências
Abrantes, E.A.; Bellini, B.C.; Bernardo, A.N.; Fernandes, L.H.; Mendonça, M.C.; Oliveira, E.P.; Queiroz, G.C.; Sautter, K.D.; Silveira, T.C.; Zeppelini, D., 2010. Synthesis of Brazilian Collembola an update to the species list. Zootaxa, 2388: 1-22.
Bellinger, P.F., Christiansen, K.A.; Janssens, F., 1996-2013. Checklist of the Collembola of the World. http://www.collembola.org
Davies, W.M., 1927. On the Tracheal System of Collembola, with special reference to that of Sminthurus viridis, Lubb. Quarterly Journal of Microscopical Science (N.S), 281: 15-30.
Gillot, C., 1995. Entomology. 2a ed. Kluwer Academic / Plenum Publishers. pp. 113-125.
Palacios-Vargas, J.G. e Wilson J.M. 1990. Troglobius coprophagus, a new genus and species of cave Collembola from Madagascar, with notes on its ecology. International Journal of Speleology, 19:67-73.
Palacios-Vargas, J.G.; Zeppelini, D., 1995. A new species of Troglobius (Collembola, Paronellidae) from Brazil. International Journal of Speleology, 23(3-4): 173-177.
Pinto-da-Rocha, R., 1995. Sinopse da fauna cavernícola do Brasil (1907-1994). Papéis Avulsos de Zoologia, 39(6): 61-173.
Zeppelini, D., 2006. The genus Arrhopalites Börner, 1906 (Collembola, Appendiciphora, Arrhopalitidae) in the Neotropical Region, with description of four new cave species from Brazil. Zootaxa, 1124: 1-40.
Trajano, E.; Bichuette, M.E., 2010. Diversity of Brazilian subterranean invertebrates, with a list of troglomorphic taxa. Subterranean Biology, 7: 1-16.
Zeppelini, D., 2008. Arrhopalites gnaspinii, In: A.B.M., Machado; G. M., Drummond; A.P., Paglia (Eds.), Livro Vermelho da Fauna Brasileira Ameaçada de Extinção (vol. 1). Ministério do Meio Ambiente, Fundação Biodiversitas. Brasília, DF; Belo Horizonte (MG). pp. 370-371.
Fim do conteúdo da página