Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Fauna Brasileira > Lista de Espécies Ameaçadas > Peixes - Genidens barbus (Lacepède, 1803) - Bagre-branco
Início do conteúdo da página

Peixes - Genidens barbus (Lacepède, 1803) - Bagre-branco

Classificação Taxonômica
Grupo
Classe:
Ordem:
Família:
Espécie:
Nome Vulgar:
Peixes
Actinopterygii
Siluriformes
Ariidae
Genidens barbus (Lacepède, 1803)
Bagre-branco
Categoria de Ameaça
Categoria Validada:
Critério Validado:
Presença Lista Anterior:
EN
A4bcde
Justificativa
Genidens barbus distribui-se do sul da Bahia ao norte da Argentina e é especialmente vulnerável à pesca intensa por ter alta longevidade, baixa fecundidade e longo período de cuidado parental. As maiores abundâncias históricas têm sido registradas para a Lagoa dos Patos (RS). Infere-se que em torno de 70% da população esteja nessa região, onde existia uma pesca artesanal dirigida de grande importância, hoje colapsada. O declínio desses desembarques, considerado o único indicador de abundância populacional, foi de 99% nos últimos 40 anos. Existem declínios registrados em outros pontos de sua distribuição, que atingem entre 20 e 50%, além de algumas regiões onde as abundâncias populacionais estão relativamente estáveis, como no litoral sul de São Paulo. Atualmente, não existem medidas que estejam revertendo esta situação. Portanto, infere-se que o declínio do tamanho populacional de G. barbus no Brasil é de pelo menos 70%, considerando uma janela no passado e futuro, em um tempo total de três gerações, sendo categorizada como Em Perigo (EN) sob o critério A4bcde. Não se sabe se há entrada significativa de propágulos de fora do Brasil, por isso, a categoria Em Perigo fica mantida.
Pesquisadores Participantes do Processo*

Alexandre Pires Marceniuk – MPEG, Ana Maria Torres Rodrigues - CEPSUL/ICMBio, Beatrice Padovani Ferreira – UFPE, Flávia Lucena Fredou – UFRPE, Francisco Marcante Santana da Silva – UFRPE, João Paes Vieira Sobrinho – FURG, Jocemar Tomasino Mendonça - Instituto de Pesca/SP, Laura Villwock de Miranda - Instituto de Pesca/SP, Mariano González Castro - Universidad Nacional de Mar del Plata, Argentina, Matheus Marcos Rotundo – UNISANTA, Mônica Brick Peres – ICMBio, Nidia Noemi Fabré – UFAl, Ning Labbish Chao – UFAM, Rafael Jardim Albieri – UFRRJ, Ricardo Betancur-R - The George Washington University, EUA, Roberta Aguiar dos Santos - CEPSUL/ICMBio, Robson Tamar da Costa Ramos – UFPB, Tommaso Giarrizzo – UFPA, Viviane Bernardo de Sant Anna - PUC/RS.

* São listados os nomes de todos os pesquisadores que participaram de qualquer etapa do processo de avaliação do estado de conservação da espécie (envio de informações e oficina de avaliação). A categoria foi determinada na oficina pela maioria dos participantes, seguindo rigorosamente o método utilizado, e posteriormente validada seguindo o método de análise de consistência.

Referências
Araujo, F. G. 1988. Distribuição, abundância relativa e movimentos sazonais de bagres marinhos (Siluriformes, Ariidae) no estuario da Lagoa dos Patos (RS), Brasil. Rev. Bras. Zool 5(4): 509-543.
Azevedo, M. C. C.; Araújo, F. G.; Cruz-Filho, A. G.; Gomes, I. D. e Pessanha, A. L. M. 1999. Variação espacial e temporal de bagres marinhos (Siluriformes, Ariidae) na Baía de Sepetiba, Rio de Janeiro. Rev. Bras. Biol. 59(3).
Bail, G. C. e Branco, J. O. 2003. Ocorrência, abundância e diversidade da ictiofauna na pesca do camarão sete-barbas, na região de Penha, SC. Notas Tec. Facimar 7: 73-82.
Cowx, I. G., O Grady, K. T. e Haimovici, M. 1998. Present state and perspectives for the southern Brazil shelf demersal fisheries. Fisheries Management and Ecology 5: 277-289.
Garcez, D. S. e Sanches-Botero, J. I. 2005. Comunidades de pescadores artesanais no estado do Rio Grande do sul, Brasil. Atlantica, Rio Grande 27(1): 17-29.
Graça-Lopes, R.; Tomás, A. R. G.; Tutui, S. L.; Rodrigues, E. S. e Puzzi, A. Fauna acompanhante da pesca camaroeira no litoral do Estado de São Paulo, Brasil. Boletim do Instituto de Pesca, São Paulo 28(2): 173-188.
Haimovici, M., Pereira, S. & Vieira, P.C.. 1989. La pesca demersal en el sur de Brasil en el período l975-l985 Frente Marítimo Vol 5 Sec A: 151-163, Montevideo. 1989.
Haimovici, M. 1997. Recursos Pesqueiros Demersais da Região Sul. Avaliação do Potencial Sustentável de Recursos Vivos da Zona Económica Exclusiva (Revizee), editado pela Fundação de Estudos do Mar (FEMAR), Rio de Janeiro, 81 p
Haimovici, M. e Velasco, G. 2000. Length- Weigth relationshio of marine fishes from southern Brazil. Naga, The ICLARM Quartlerly 23(1): 19-23.
Marceniuk, A. P. e Menezes N. A. 2003. Familia Ariidae. In: Menezes, N. A.; Buckup, P. A.; Figueiredo, J. L. e Moura, R. L (Eds). (eds), Catalogo das especies de peixes marinhos do Brasil., pp. 160. Museu de Zoologia USP, São Paulo.
Mendonça, J. T. ; Cordeiro, A. G. 2009 . A pesca de bagre-branco (Genidens barbus) na área de proteção ambiental de Cananéia-Iguape-Peruíbe (APA-CIP) (São Pualo, Brasil). (Apresentação de Trabalho/Seminário).
Mendoza-Carranza, M., Vieira, J.P. 2009. Ontogenetic niche feeding partitioning in juveniles white sea catfish Genidens barbus in estuarine environments, southern Brazil. Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom 89(4): 839-848.
Pina, J. V. e Chaves, P. T. 2009. Incidência da pesca de arrasto camaroeiro sobre peixes em atividade reprodutiva: uma avaliação no litoral norte de Santa Catarina, Brasil. Atlantica, Rio Grande 31(1): 99-106.
Reis, E. G. 1986a. A Pesca Artesanal de Bagres (Siluriformes, Ariidae) No Estuario da Lagoa dos Patos. Série documentos Técnicos Oceanografia, Rio Grande, v. 05, p. 1-22, 1986
Reis, E. G.1986b. Reproduction And Feeding Habits Of The Marine Catfish Netuma Barba (Siluriformes, Ariidae) In The Estuary Of Patos Lagoon (Brazil). Atlântica, Rio Grande, v. 8, p. 35-55, 1986
Reis, E. G.1986c. Age and Growth of the Marine Catfish, Netuma Barba (Siluriformes, Ariidae) in the Estuary of the Patos Lagoon (Brasil). Fishery Bulletin (Washington) , v. 84, p. 679-686.
Reis, E.G.; Vieira, P. C. & Duarte, V.S. 1994. Pesca artesanal de teleósteos no estuário da Lagoa dos Patos e costa do Rio Grande do Sul. Atlântica 16:55-68.
Rimmer, M. A. e Merrick, J.R.1982. A review of reproduction and development in the fork-tailed catfishes (Ariidae). Proceedings of the Linnean Society of New South Wales. Sydney. Vol. 107, no. 1, pp. 41-50.
Schmidt, T. C. S; Martins, I. A.; Reigada, A. L. D. e Dias, J. F. 2008. Taxocenose de bagres marinhos (Siluriformes, Ariidae) da região estuarina de São Vicente, SP, Brasil. Biota Neotropical 8(4).
Severino-rodrigues, E.; Hebling, N.J.; Melo, G.A.S.; Graça-Lopes, R. 2007 Biodiversidade no produto da pesca dirigida ao lagostim Metanephrops rubellus (Moreira, 1903) no litoral do Estado de São Paulo, Brasil, com ênfase a carcinofauna. Boletim do Instituto dePesca, São Paulo, 33(2): 171-182.
Souza, L. M. e Chaves, P. T. 2007. Atividade reprodutiva de peixes (Teleostei) e o defeso da pesca de arrasto no litoral norte de Santa Catarina. Brasil. Revista Bras. Zool. 24(4): 1113-1121.
Velasco, G. e Reis, e. G. 1998. Crescimento de mortalidade de Netuma barba (Lacépède, 1803) (Siluriformes, Aridae) no estuário da Lagoa dos Patos. In: XI Semana Nacional de Oceanografia, 1998, Rio Grande. Resumos Expandidos da XI Semana Nacional de Oceanografia: Oceanografia e suas interfaces. Pelotas : Editora Universitária - UFPel, p. 185-185.
Velasco, G.; Reis, E. G. e Miranda,L. V. 2003. Cálculo da taxa instantânea de mortalidade natural para Netuma barba (Lacépède, 1803) (Actinopterygii, Siluriformes, Ariidae). Acta Biologica Leopoldensia 25(2): 233-242.
Velasco, G. ; Reis, E. G. ; Vieira, J. P. 2007 Calculating growth parameters of Genidens barbus (Siluriformes, Ariidae) using length composition and age data. Journal of Applied Ichthyology, v. 23, p. 64-69.
Fim do conteúdo da página