Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Fauna Brasileira > Lista de Espécies Ameaçadas > Peixes - Atlantoraja castelnaui (Miranda Ribeiro, 1907) - Raia-chita
Início do conteúdo da página

Peixes - Atlantoraja castelnaui (Miranda Ribeiro, 1907) - Raia-chita

Classificação Taxonômica
Grupo
Classe:
Ordem:
Família:
Espécie:
Nome Vulgar:
Peixes
Elasmobranchii
Rajiformes
Arhynchobatidae
Atlantoraja castelnaui (Miranda Ribeiro, 1907)
Raia-chita
Categoria de Ameaça
Categoria Validada:
Critério Validado:
Presença Lista Anterior:
EN
A4bd
Justificativa
Atlantoraja castelnaui é um rajídeo de grande porte, endêmica do Atlantico Sul ocidental, ocorrendo do Rio de Janeiro ao norte da Argentina. A espécie tem alto valor comercial no Brasil, sendo pescada principalmente por arrasto de fundo de São Paulo ao Rio Grande do Sul, mas também é capturada em grandes quantidades pelo emalhe de fundo direcionado à pesca da corvina e pelo espinhel de fundo no Sul. Embora haja poucos dados populacionais, há registros de reduções substanciais na abundância da espécie. Dados de CPUE de Santa Catarina, entre o período de 2002 e 2009 mostram uma redução de 96% da categoria “emplastro” (que inclui raias dos gêneros Rioraja, Atlantoraja, Psammobatis, Sympterygia e Dipturus). A CPUE de pesca científica com redes de arrasto na plataforma continental no sul do Brasil indicou uma redução de 54% entre os anos de 1974 e 1981. Devido as reduções já registradas no passado e ao fato de que a pesca continua sem restrições, infere-se que possa haver uma redução de pelo menos 50% da população em um intervalo de tempo que compreenda três gerações da espécie. Devido à redução substancial na abundância da espécie, como resultado da pesca sem restrições desde a década de 1970, infere-se que a redução continuará no futuro. Portanto, A. castelnaui foi categorizada como Em Perigo (EN) sob o critério A4 bd.
Pesquisadores Participantes do Processo*

Alessandra Lonardoni – UEM, Ana Rita Onodera Palmeira – UFPB, Arturo Mora – IUCN, Carolus Maria Vooren – FURG, Cristiane Elfes - University of California, Santa Barbara, Domingos Garrone Neto – UNESP, Emanuel C. Ferreira – FURG, Fábio Hissa Vieira Hazin – UFRPE, Fernando Fernandes Mendonça – UNESP, Fernando Pedro Marinho Repinaldo Filho – ICMBio, Francisco M. Santana – UFRPE, Getúlio Rincon – UNIP, Guilherme Moro – UFPB, Jorge Eduardo Kotas - CEPSUL/ICMBio, Jules Soto – UNIVALI, Leandro Yokota – USP, Manoel Mateus Bueno Gonzalez - Núcleo de Pesquisa e Estudo em Chondrichthyes/UNISANTA, Maria Cristina Oddone – FURG, Maria Lúcia Góes de Araújo – UFRPR, Mônica Brick Peres – ICMBio, Patricia Charvet - SENAI/PR, Ricardo de Souza Rosa – UFPB, Roberta Aguiar dos Santos - CEPSUL/ICMBio, Rodrigo Risi Pereira Barreto – UFRPE, Rosângela Lessa – UFRPE, Santiago Monte alegre Quijano – FURG, Vicente Faria – UFC.

* São listados os nomes de todos os pesquisadores que participaram de qualquer etapa do processo de avaliação do estado de conservação da espécie (envio de informações e oficina de avaliação). A categoria foi determinada na oficina pela maioria dos participantes, seguindo rigorosamente o método utilizado, e posteriormente validada seguindo o método de análise de consistência.

Referências
Bressan, P.M.; Kierulff, M.C.M.; Sugieda, A.M. (Coordenação Geral). 2009. Fauna Ameaçada do Estado de São Paulo: Vertebrados. São Paulo: Fundação Parque Zoológico de São Paulo: Secretaria do Meio Ambiente.

Casarini, L. M. 2006. Dinâmica populacional de raias demersais do gênero Atlantoraja e Rioraja (Elasmobranchii, Rajidae) da costa sudeste e sul do Brasil. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo, São Paulo. 206 p.

Ferreira, E.,Vooren, C.M., Peres, M.B. 2010. Relatório sobre a análise de dados pretéritos de cruzeiros de pesquisa referente ao termo de referência No 134380. Produto da Consultoria No 134380 do Ministério do Meio Ambiente-MMA.

Figueiredo, J. L. 1977. Manual de Peixes Marinhos do Sudeste do Brasil. Introdução: cações, raias e quimeras. Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo, 104p.

Hozbor, N., Massa, A & Vooren, C.M. 2004. Atlantoraja castelnaui. Em: IUCN 2009. IUCN Red List of Threatened Species. Version 2009.2. . Acessado em 05 Janeiro de 2010.

McEachran, J. D. & N. Aschliman. 2004. Phylogeny of Batoidea. Pp. 79-113. In: Carrier, J. C., Musick, J. A. & M. R. Heithaus (Eds.). Biology of sharks and their relatives. CRC Press, London, 596 p.

Menni, R. C. 1973. Rajidae del litoral bonaerense. I. Espécies de los géneros Raja, Bathyraja y Sympterygia (Chondrichtyes). Physis, A, 32 (85): 413-439.

Menni RC, H.L. López & M.L. García. 1981. Lista comentada de las especies de peces colectadas durante la campaña V del B/I «Shinkai Maru» en el Mar Argentino. Contribuciones del Instituto Nacional de Investigaciones Pesqueras 383: 267-280.

Oddone, M. C. 2007. Biologia reprodutiva os gêneros Atlantoraja Menni, 1972 e Rioraja Whitley, 1939 (Chondrichthyes: Rajidae) na plataforma interna do Sudeste do Brasil. Tese de doutorado. Universidade Estadual Paulista. Rio Claro.

Oddone, M. C. & Amorim, A. F. 2007. Length-weight relationships, condition and population structure of the genus Atlantoraja (Elasmobranchii, Rajidae, Arhynchobatidae) in South-eastern Brazilian waters, SW Atlantic Ocean. Journal of the Northwest Atlantic Fishery Science 38: 43-52.

Oddone, M. C. & Vooren, C. M. 2008. Comparative morphology and identification of egg capsules of skate species of the genera Atlantoraja Menni, 1972, Rioraja Whitley, 1939 and Sympterygia Müller & Henle, 1837. Arquivos de Ciências do Mar, 41(2): 5 – 13.

Oddone, M. C., Mancini, P. L. & Amorim, A. F. 2005. First record of size-at-hatching of Atlantoraja cyclophora, A. castelnaui and Rioraja agassizi collected off Santos, São Paulo, South West Atlantic Ocean. III Workshop do NUPEC. Santos.

Oddone, M. C, Amorim, A. F. & Mancini, P. L. 2008a. Reproductive biology of the spotback skate, Atlantoraja castelnaui (Ribeiro, 1907) (Chondrichthyes, Rajidae) in southeastern Brazilian waters. Revista de Biología Marina y Oceanografía, 43(2): 327-334.

Oddone, M. C., Mesa, A. & Amorim, A. F. 2008b. Description of the egg capsule of Atlantoraja castelnaui (Elasmobranchii, Rajidae). Brazilian Journal of Oceanography, 56(1): 65-68.

Paesch, L. 2000. Hábitos alimentarios de algunas especies de elasmobrânquios en el frente oceánico del Río de la Plata. Frente Marítimo 18: 71-90

Ponz Louro M. 1995. Estratégias e tácticas reprodutivas de elasmobrânquios no ecossistema de Ubatuba, SP, Brasil. São Paulo. Dissertação de Mestrado. Universidade de São Paulo, São Paulo, 95 pp.

Vooren, C. M. 1998. Demersal Elasmobranchs. In: Os ecossistemas costeiro e marinho do extremo sul do Brasil. Seeliger, U., C. Odebrecht, and J. P. Castello (eds.). Ecoscientia, Rio Grande, p. 141–146.
Fim do conteúdo da página