Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > Tartarugas são resgatadas e devolvidas à natureza
Início do conteúdo da página

Tartarugas são resgatadas e devolvidas à natureza

Publicado: Terça, 12 de Maio de 2020, 11h30
Crime cometido por um casal prevê detenção e multa de R$ 22 mil.

tartarugas 07 05 20
Os policiais resgataram 22 tartarugas. (Foto: Polícia Militar)

O Batalhão Ambiental da Polícia Militar abordou um casal que havia capturado 22 tartarugas vivas em uma embarcação a remo pelo Rio Araguaia no distrito de Luiz Alves, município de São Miguel do Araguaia, no Goiás, na última quarta-feira (6). Após abordagem, o casal foi conduzido pelos policiais ao posto do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), em Luiz Alves, para os procedimentos administrativos, já que o crime ocorreu dentro da Área de Proteção Ambiental (APA) dos Meandros do Rio Araguaia, Unidade de Conservação do ICMBio.

Os policiais resgataram 22 tartarugas da espécie podcnemis expansa (tartatuga-da-amazônia). Os animais eram juvenis e adultos, estavam livres de lesões, aparentavam boa saúde e foram soltos novamente no rio Araguaia. A infração, artigo 29 da Lei 9.605 de 12 de fevereiro de 1998 (Lei de Crimes Ambientais), prevê detenção de seis meses a um ano, e mais multa. As ações de fiscalização e a política de tolerância zero contra as infrações ambientais continuam ocorrendo dentro das unidades de conservação federais.

Comunicação ICMBio
(61) 2028-9280


registrado em: ,
Fim do conteúdo da página