Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > Parque da Serra da Capivara é reaberto
Início do conteúdo da página

Parque da Serra da Capivara é reaberto

Publicado: Quarta, 09 de Setembro de 2020, 06h49
A visitação pública deverá ocorrer de forma gradual e monitorada, mediante cumprimento dos protocolos de segurança.


O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) reabre nesta terça-feira (8) o Parque Nacional da Capivara. A visitação pública deverá ocorrer de forma gradual e monitorada, mediante cumprimento dos protocolos de segurança. O horário estabelecido para visitação pública é das 7h às 17h. Para entrar no Parque deverão ser formados grupos de, no máximo, oito pessoas, incluindo crianças, preferencialmente do mesmo grupo familiar ou que viagem juntas.

Para grupos escolares ou que caracterizem excursões, poderão entrar até 24 pessoas, sendo três grupos de oito pessoas visitando o mesmo circuito por vez, respeitando-se o distanciamento por grupo e por pessoa. Em atrativos e espaços fechados, como abrigos, auditórios, centro de visitantes, lojas de conveniência e souvenirs, o número de visitantes deverá ser reduzido até o limite de 50% de sua capacidade de público, de forma que a visitação possa ocorrer respeitando-se o espaçamento mínimo de 2 metros entre as pessoas.

Em trilhas, passarelas e escadas, deverá ser respeitado o distanciamento social de, no mínimo, 2 metros entre cada visitante.

Nos primeiros 60 dias serão abertos os seguintes circuitos turísticos:

* Circuito Boqueirão da Pedra Furada: Toca do Boqueirão da Pedra Furada; Monumento da Pedra Furada; Tocas da Fumaças; Vista das Mangueiras; Toca do Cajueiro. A área do Fundo da Pedra Furada (Sítios Arqueológicos do Carlindos I, II, III e Caldeirão da Gameleira) permanecerá fechada.

* Circuito do Sítio do Meio: Toca Sítio do Meio. Circuito da Serra Branca, com exceção do Olho D'água da Serra Branca, este permanecerá fechado.


* Circuito da Serra Vermelha: Baixão das Andorinhas e Variante. Trilha Hombu: Toca da Ema; Toca do Braz; Toca do Alexandre; Casa Neco Coelho.


* Circuito da Invenção: Toca do Martiliano e Toca da Invenção.


* Circuito de Caminhadas: Alto da Pedra Furada.


Medidas de segurança

* Exigência do uso obrigatório de máscara de proteção facial de acordo com as recomendações dos órgãos de saúde com partes inferior, superior e laterais ajustadas, durante todo o período em que estiver no interior da UC.

* Disponibilização, por todos os prestadores de serviços, de álcool em gel 70% ou produto de higienização para as mãos para a utilização dos visitantes durante toda a visita, em áreas abertas, nos transportes terrestres e demais estruturas componentes da UC.

* Higienização e desinfecção de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) para os atrativos em que haja obrigatoriedade de sua utilização, antes de seu compartilhamento entre os visitantes.

* Promover com frequência a limpeza e desinfecção dos ambientes, pisos, corrimãos, passarelas, balcões, maçanetas, tomadas, torneiras e banheiros, além de outros objetos de uso coletivo, como cadeiras, mesas, sofás e bancos.

* Remover jornais, revistas, panfletos e livros dos locais de comum acesso para evitar a transmissão indireta.

* Estimular e priorizar a contratação on-line de serviços e/ou agendamentos, ou organizar o atendimento em filas para evitar aglomerações, considerando a marcação no piso com distanciamento de 2 (dois) metros, a partir do balcão e entre os clientes.

* Manter o distanciamento mínimo de 2 (dois) metros entre os sofás, mesas, cadeiras e bancos dos espaços comuns, que se encontram abertos, tais quais: guaritas e centro de visitante.

* As máquinas de débito e crédito devem estar fixas ou envelopadas com filme plástico e desinfetadas após cada uso.

* Os transportes terrestres de visitantes deverão priorizar a ventilação natural.

* Os transportes públicos e particulares deverão permanecer com janelas e portas fechadas enquanto esperam os visitantes, de modo a evitar aproximação ou atrair qualquer indivíduo da fauna silvestre.

* Respeitar a capacidade de lotação de cada tipo de veículo e evitar superlotação e/ou aglomeração.

* O número de visitantes do Parque deverá ser reduzido até o limite de 50% (cinquenta por cento) de sua capacidade de público, de forma que a visitação possa ocorrer respeitando-se o espaçamento mínimo de 2 (dois) metros entre as pessoas.

* O visitante deverá dar a destinação adequada a seu lixo gerado, transportando-o para fora dos limites da UC, pois não haverá coleta de lixo na UC.

* Os prestadores de serviços de condução de visitantes deverão informar ao visitante sobre a obrigatoriedade da recolha e destinação de todo o tipo de lixo para fora da UC.

* Os prestadores de serviços de condução de visitantes serão responsáveis pela coleta de lixo em caso de recusa pelo visitante, devendo possuir Equipamento de Proteção Individual (EPI) adequado e recipiente descartável para acondicionamento adequado e destinação em local apropriado fora da UC.

* Os visitantes deverão ser orientados quanto ao cumprimento das restrições impostas e receber informações referentes aos atrativos disponíveis na UC.

* O visitante deverá manter distância mínima de 10 metros dos animais silvestres, especialmente dos primatas que se aproximarem durante a visita.

* Em hipótese alguma deve ser disponibilizado alimento aos animais silvestres da UC.

* Os prestadores de serviço de condução de visitantes devem orientar o visitante e intervir no caso da alimentação de animais.

* Lixeiras deverão ser removidas ou lacradas em áreas de visitação, de modo que não haja possibilidade de os animais silvestres entrem em contato com alimentos ou embalagens utilizadas pelas pessoas.

* Os reservatórios de água naturais ou bebedouros são de uso da fauna e não devem ser manuseados.

Comunicação ICMBio
(61) 2028-9280

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página