Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Aniversário de 75 anos da Serra dos Órgãos reúne 500 pessoas
Início do conteúdo da página

Aniversário de 75 anos da Serra dos Órgãos reúne 500 pessoas

Publicado: Terça, 02 de Dezembro de 2014, 15h31

Foram realizadas diversas atividades recreativas para pais e filhos

Foram realizadas diversas atividades recreativas para pais e filhos

Gustavo Frasão
gustavo.caldas@icmbio.gov.br

Brasília (02/12/2014) — O Parque Nacional da Serra dos Órgãos (RJ) completou 75 anos no último domingo (30). Para marcar a data, os gestores da Unidade de Conservação promoveram diversas atividades de lazer ao longo do dia para turistas, visitantes e familiares. Cerca de 500 pessoas participaram de gincanas, oficinas e assistiram a apresentações circenses. O presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Roberto Vizentin, marcou presença nas celebrações e firmou um compromisso com a comunidade local.

"Ele assinou um documento se comprometendo a redelimitar a área do Parque, que hoje engloba a comunidade de Bonfim. Essa comunidade existe desde antes da criação da nossa Unidade de Conservação", explicou Leandro Goulart, chefe do Parque Nacional da Serra dos Órgãos.

Na ocasião, também foram feitos outros anúncios importantes para a UC, como a aquisição da sede do Parque em Petrópolis (RJ). "Vamos receber mais recursos do ICMBio, em parceria com o Ministério do Turismo, para fazer obras e adaptações na unidade. Também foi anunciada uma emenda parlamentar para a inclusão de mais R$ 1 milhão no orçamento de 2015, valor a ser utilizado na construção de uma sede em Petrópolis, onde temos mais de 50% de território do Parque", destacou Goulart.

O evento foi totalmente aberto ao público, gratuito e começou às 9h, com stands de exposição sobre sementes nativas da Mata Atlântica. Fizeram parte da programação atividades circenses, como malabares e artistas andando sob pernas de pau ao redor da piscina, peças teatrais, músicas e apresentações em tecido.

"Essas apresentações em tecido são aquelas pessoas que fazem manobras aéreas enroladas em pedaços de pano. Isso prendeu bastante a atenção das crianças e dos pais delas, que também se divertiram com a tirolesa que instalamos", comemorou o chefe do Parque.

Urna do tempo

Uma novidade criada pela gestão da Unidade foi a criação da "urna do tempo". A ideia é colocar nela todo e qualquer tipo de informação passada, presente e futura para o registro histórico e fotográfico de todas as atividades realizadas pelo Parque.

"Vamos registrar tudo em relação ao tempo e à história. Guardar nela tudo o que acontecer daqui para frente, junto com o que temos de material passado. A intenção é coletar todas as informações, como trabalhos de escolas, redações, desenhos, notícias e impressões dos visitantes e só abrir a urna quando o Parque completar 100 anos", prometeu Goulart.

Sobre o Parque Nacional da Serra dos Órgãos

Com uma área total de 20.024 hectares, o Parque Nacional da Serra dos Órgãos (RJ) abrange os municípios de Teresópolis, Petrópolis, Magé e Guapimirim, abriga mais de 2.800 espécies de plantas e uma fauna bastante diversificada: 462 espécies de aves, 105 de mamíferos, 103 de anfíbios e 83 de répteis, incluindo 130 animais ameaçados de extinção e muitas espécies endêmicas, ou seja, que existem apenas na região.

Criado em 1939 para proteger a excepcional paisagem e a biodiversidade deste trecho da região serrana do Rio de Janeiro, o Parque é reconhecido como um dos melhores locais do país para a prática de esportes de montanha, como escalada, caminhada e rapel, além de possuir fantásticas cachoeiras e a maior rede de trilhas do Brasil, com mais de 200 km e diversos níveis de dificuldade. Já entre as escaladas, destacam-se o Dedo de Deus, marco inicial da escalada no país, e a Agulha do Diabo, considerada uma das 15 melhores escaladas em rocha do mundo.

registrado em:
Fim do conteúdo da página