Zoneamento

De acordo com a Lei do SNUC (Lei n° 9985/2000), zoneamento é a:

"definição de setores ou zonas em uma unidade de conservação com objetivos de manejo e normas específicos, com o propósito de proporcionar os meios e as condições para que todos os objetivos da unidade possam ser alcançados de forma harmônica e eficaz"

Uma zona é uma parte no território onde o manejo permitido e incentivado deve garantir que as ações realizadas sejam compatíveis com o propósito da UC e levem à proteção de seus recursos e valores fundamentais.

ZONA DESCRIÇÃO

GRAU DE

INTERVENÇÃO

KLM
Zona de Preservação
(ZPRE)
 Objetiva manutenção dos ecossistemas com grau máximo de preservação, onde as atividades de visitação não são permitidas. São 8 polígonos de área marinha que representam 1,35% da área da UC  BAIXO  ZPRE
Zona de Uso Moderado (ZUMO)   Objetiva manutenção do ambiente conciliando a integração da dinâmica social e econômica da população residente e usuária da UC. Representa cerca de 1,6% da área da UC, são 3 polígonos, dois deles focados na proteção do Peixe-Boi marinho, englobando também algumas piscinas naturais (Paripueira e Rota Ecológica) e um terceiro voltado para a proteção das falésias da Praia do Carro Quebrado. As atividades de visitação são permitidas com médio grau de intervenção.  MÉDIO  ZUMO
Zona de Uso Comunitário (ZUCO)   Objetiva a manutenção de um ambiente natural associado ao uso múltiplo sustentável dos recursos naturais. São áreas de terra firme, praia, manguezais e foz de rios. As atividades de visitação (pesca e ecoturismo) devem ser desenvolvidas prioritariamente por comunidades tradicionais. São 22 polígonos, envolvendo os estuários e representando cerca de 1,1% da área da UC.  MÉDIO  ZUCO
Zona de Infraestrutura (ZINF)  Zona que comporta as estruturas administrativas do ICMBio no interior da UC. Constitui-se em 01 polígono contemplando a Base de Porto de Pedras/AL. Atividades de visitação são permitidas nesse local.   ALTO  ZINF
Zona de Produção (ZPRO)   Objetiva destinar áreas para o uso sustentável dos recursos. Representa 94,22% do território da UC com um único polígono de área marinha envolvendo os ambientes recifais (e algumas piscinas naturais) e a plataforma continental. É permitida a visitação intensiva e planejada para atender uma maior demanda.  ALTO  ZPRO
Zona de sobreposição territorial (ZOST)   É a zona que apresenta sobreposição com outras Unidades de Conservação, onde o manejo e a gestão serão acordados de forma a conciliar os objetivos de cada UC. É composta por um único polígono de sobreposição com a APA de Guadalupe (região de Tamandaré e Barreiros). Na área costeira e estuaria está sendo desenvolvido o Zoneamento de Atividades Náuticas do Estuário do Rio Formoso - ZATAN. Nessa se encontram todos os ambientes (estuários, praias, piscinas e plataforma continental).  USO DIFERENCIADO  ZOST