Plano de Uso Público

De acordo com o Roteiro para elaboração de Planos de Uso Público de Unidades de Conservação Federais : o Plano de Uso Público pressupõe a perspectiva de um portfólio de produtos de planejamento, especialmente considerando que as demandas de planejamento de uso público são muito variadas dentro das diferentes categorias e realidades das UC. Enquanto algumas UC necessitam de apenas um plano simplificado para estimular e ordenar sua visitação,
outras carecem, em função de realidades mais complexas e de grande demanda turística, de estudos para o estabelecimento de concessões de serviços, áreas ou instalações de apoio à visitação (Lei n° 13.668/2018), protocolos de gestão de segurança, projetos interpretativos, entre outros.

A partir da publicação do Plano de Manejo da UC  em setembro de 2018,  a gestão priorizou a elaboração do Plano de Uso Público (PUP), em virtude da grande demanda e potencial para abertura de atrativos na área do Parque.  Com intuito de elaborar o PUP de forma participativa e qualificada, foi constituída uma  Câmara Técnica de Uso Público (CTUP) no âmbito do Conselho Consultivo. A CTUP foi composta por servidores, conselheiros e convidados externos com conhecimento da região e expertise na temática.

A composição final da Câmara técnica contou com os seguintes membros, sendo o ICMBio o coordenador dos trabalhos:

  •  Caipora Cooperativa para Conservação da Natureza
  • Instituto Serrano de Ecoturismo e Conservação da Natureza (ISECON)
  • Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina/ Parque Estadual da Serra Furada (IMA/PAESF)
  • Representante de proprietários de imóveis dentro do PNSJ no município de Grão Pará
  • Instituto Alouatta
  • Fundação Ambiental Municipal de Orleans (FAMOR)
  • Condutor de visitantes do PNSJ, de Orleans

A Câmara técnica trabalhou em reuniões presenciais  e também por meio de trabalhos à distância nos anos de 2018 a 2020.  Importante ressaltar que o ordenamento do uso público não se finda neste documento. O Plano de Uso Público é um documento técnico que orienta a gestão quanto à prioridade das ações, sendo passível de revisões e adequações sempre que a gestão julgar pertinente ou necessário.

VISÃO DE FUTURO DO PLANO DE USO PÚBLICO DO PARQUE NACIONAL DE SÃO JOAQUIM

"Ser uma referência em oportunidades de uso público na Serra Catarinense, disponibilizando trilhas e atrativos de naturezas distintas, em meio a paisagens únicas moldadas por campos e relevos de altitude, escarpas, cânions, vales, montanhas e cachoeiras, em um contexto com condições climáticas, cultura e história ímpares¨


CLIQUE AQUI PARA CONHECER O PLANO DE USO PÚBLICO DO PARQUE NACIONAL DE SÃO JOAQUIM

DOWNLOAD DOS ANEXOS DO PLANO DE USO PÚBLICO

 

20190207 121740

Foto: Membros da Câmara Técnica de Uso Público